O garoto e a revanche

As longas férias acabaram, Rudel voltou para a academia com o coração pesado. A única coisa ocupando sua mente eram as palavras da Dragoon para ele desistir… Rudel se tornou sombrio. Não na cafeteria do dormitório masculino, mas na cafeteria da área comum da escola que ficou aberta durante as férias, Rudel sentou e pensou.

As pessoas que estavam preocupadas com ele eram Izumi e Basyle. Izumi estava genuinamente preocupada… Basyle ouviu sobre o noivado e considerou se deveria simplesmente assumir a posição de amante para garantir seu futuro. Ela estava cheia de motivos impuros…

Mas Rudel…

(Rudel): “Aah. Vocês acham que Cattleya-sama e Lilim-sama me odeiam?”

A preocupação de Rudel estava um pouco equivocada. Certo, para Rudel… pela atitude e tom de Cattleya e Lilim…

“Não se aproxime de mim!”

… ele tinha certeza que era isso que elas estavam tentando dizer. Do ponto de vista de Rudel, era como se todos os membros da sua banda favorita passassem a te odiar…

(Rudel): “Depois que eu virar um Dragoon, como vou olhar elas nos olhos? O que eu vou dizer para elas?”

As duas olharam para Rudel com preocupação…


Indiferentes a suas preocupações, o segundo semestre começou…

(Rudel): “Nós iremos iniciar a reunião estratégica para a próxima excursão!”

Uma reunião estratégica sobre o objetivo de chegar em primeiro lugar como no ano passado foi iniciada com energia.

Liderada por Rudel na sala de aula depois do fim das aulas.

(Rudel): “Como da última vez, todos os grupos começam no mesmo ponto, mas o trajeto muda para cada classe. E os primeiros anos do curso fundamental também irão participar… desta vez, há muitos talentos entre os novatos! Acima de todos, a classe da princesa conta com guardas que treinam desde jovens para protegê-la! Eu não tenho escolha a não sei dizer que o primeiro lugar será uma missão difícil sobre essas circunstâncias”

Nos documentos entregues para todos, Rudel percebeu a detalhada avaliação que ele pediu para Basyle coletar de cada classe. Acima disso, as ferramentas necessárias para a floresta, o que não levar… tudo estava escrito com grandes detalhes.

(Rudel): “E o que precisamos prestar atenção desta vez é a classe de Aleist. Apesar de serem novatos, eles conseguiram atingir o topo da última vez… com isso em mente, a distância média que temos que percorrer por dia é…”

Conforme a explicação acontecia, todos ouviam tudo com seriedade. Todos queriam compensar pela humilhação que sofreram no ano anterior… isso uniu eles. Neste sentido, Rudel agradeceu as provocações da sala de Aleist. Ter um oponente para derrotar era um excelente objetivo.

Reduzindo suas bagagens, adquirindo as ferramentas que eles nunca reuniram no último ano e confirmando o curso com todos… a sala de Rudel se preparou com seriedade e vontade.


A classe de Aleist chegou ao objetivo com excelentes pontuações na última vez, então eles estavam totalmente otimistas. E se não houvesse nenhuma classe de alunos mais velhos, eles até pensaram que seria natural chegar ao primeiro lugar.

Como as salas de Luecke Halbades e Eunius Diade eram formadas apenas por nobres, eles estavam em desvantagem… a classe de Rudel se retirou no ano passado, então eles estavam fora de questão! Mas a sala de Aleist podia contar com a magia inesgotável de Aleist para conquistar a floresta sem dificuldades.

O resultado estava evidente antes mesmo do evento começar.

(???): “Hey. Aleist… parece que vai ser outra vitória fácil!”

Um de seus colegas de classe disse isso enquanto dava tapinhas no ombro de Aleist. Ele queria fazer algo para fortalecer seu vínculo com Aleist, mas Aleist o via como nada mais do que um conhecido.

(Aleist): “Yeah. Tem razão. Se tem alguém com quem devemos nos preocupar será a sala da princesa, talvez?”

(Colega): “Por que isso? A sala da princesa é formada apenas por nobres, isso não colocaria eles em desvantagem?”

(Aleist): “… os guardas da princesa estão colocados entre seus colegas de classe. Além disso, eles são incrivelmente talentosos… você acha que esses caras vão deixar a princesa receber uma nota que a envergonhe?”

Depois de pensar por um tempo, o colega simplesmente falou…

(Colega): “Você acha que eles vão usar a influência deles?”

Aleist suspirou… se eles fizessem isso, algum desconforto cresceria contra a princesa, então era provável que eles não fossem tão longe… mas isso não era completamente impossível. A academia definitivamente não poderia irritar a realeza e, neste evento, a segurança da princesa era a maior prioridade. Mesmo que fosse um pouco injusto, eles iriam garantir a segurança dela por qualquer meio necessário.

(Aleist): “Mesmo que eles não façam isso, eles vão ficar entre os primeiros colocados”

Aleist encerrou a conversa… mas nos últimos dias, Aleist estava ficando em pânico. Os eventos não seguirem a vontade dele era uma coisa, mas Rudel estava habilidoso demais em um nível que chegava a ser anormal.

Ele pensou que fosse porque ele fortaleceu o protagonista muito mais do que deveria, e isso criou uma influência em Rudel. Mas isso não explicava a personalidade dele. O irmão mais novo, Chlust, deveria ser decente, mas ele recebeu punição disciplinar logo em seu primeiro semestre.

Originalmente, era Rudel quem deveria causar problemas…

Dentro de sua cabeça, o fato da história não estar seguindo a direção prevista estava o deixando ansioso. Neste exato momento, ele deveria estar ocupado com todos os eventos românticos… foi o que ele pensou…

Millia, Izumi, a princesa Fina… Aleist pensou em um número enorme de personagens…


Era a mesma floresta que a academia usou no evento do último ano… lá, algumas dúzias de especialistas estavam conduzindo uma investigação. No último ano, o filho de um arquiduque foi atacado por um monstro que não deveria existir.

A princesa iria participar desta vez, então uma investigação foi conduzida para dar a palavra final. Eles concluíram que não havia nenhum problema… os especialistas não viram nada de errado nos resultados de sua investigação.

(Investigador A): “Mesmo assim… esse monstro dos relatos realmente existe? Eu tenho a sensação que os monstros estão um pouco agitados, mas… não posso afirmar nada só com isso”

Assim que um dos especialistas ponderou sobre o assunto, um especialista desbocado falou.

(Investigador B): “Talvez seja apenas a desculpa do filho idiota de um arquiduque… é só um aborrecimento. Há muitos guardas que irão repetir as histórias se receberem dinheiro. O fato dos monstros estarem inquietos é porque um certo nobre idiota fez uma bagunça na floresta!”

Depois desta conversa, o time de investigação deixou a floresta. Em seu relatório, eles escreveram: “Nenhum problema encontrado”, mesmo que ironicamente eles tenham deixado alguns pontos importantes sem investigar na floresta.

Mas…

] GYAAAAARH!!! [

Com o corpo negro e o peito branco, um enorme pássaro desceu na floresta. Sua forma era fora do normal… ele possuía vários olhos, quatro asas e quatro pés… neste ponto, ele nem mesmo poderia ser chamado de pássaro. Mas quando ele voava, sua silhueta era parecida o bastante com uma ave. Assim, vendo ele de longe, os especialistas não pensaram ser nada de estranho.

Em seu bico, talvez capturado na floresta… ele carregava um enorme monstro parecido com um cervo. Esse monstro negro e grotesco voou pelo céu e o cervo dançou pelo ar.

… e enquanto ele caía, o monstro o engoliu inteiro. Mesmo que ele não tenha o mordido com sua boca, algumas partes do corpo estavam sendo mastigadas, enquanto um som de algo sendo triturado ressoava pelas árvores.


Antes de sua segunda tentativa, todas as preparações estavam completas. Rudel e seus colegas fizeram a verificação final na academia. Mochilas, medicamentos e armas… eles sentiram uma diferença no zelo dos grupos ao redor, mas mesmo assim, a sala não pensava em nada além de cumprir seu objetivo.

(Izumi): “Eu espero que este ano acabe sem problemas”

Para as palavras de Izumi, Rudel ficou um momento em silêncio antes de responder.

(Rudel): “… certo”

Perplexa com essa resposta vaga, Izumi acompanhou os olhos de Rudel. No ponto de encontro, as classes de nobres estavam lentamente chegando… e lá, ela podia ver a sala de Aleist. Mas seus trajes eram os mesmo do último ano. Alguns até diriam que o equipamento deles estava pior.

Rudel se sentiu um pouco irritado pelo fato de Aleist não o levar a sério. Mas sua classe… ele voltou sua atenção para o fato de não estar levando seus colegas em consideração. Por enquanto, ele só iria focar em seu objetivo…

Izumi… e outra pessoa observaram Rudel ficando sério subitamente. A pessoa que estava olhando para ele com admiração em um rosto sem expressões era a segunda princesa Fina.

(Fina): (“Mestre está parecendo muito legal!! Parece até que ele vai capturar algumas fofuras na floresta… aqueles Coelhos Assassinos são simplesmente os mais fofos!! Esses guardas nunca leem o clima e matam eles em um instante! Hah. Eu preciso abastecer meu tanque de carinho”)

Enquanto a princesa olhava ao redor, ela encontrou a sala dos plebeus de Mii. Mii reservadamente acenou com sua mão, e a princesa…

(Fina): (“Minha pequena gatinha!! Hah, hah… você está tão fofa como sempre… assim que nós voltarmos para a academia, eu não vou deixar você fugir!”)

… acenou de volta sem demonstrar nenhuma expressão.