Corra, Ichino, corra

(Suzuki):‖Grande Cruz‖!”

Suzuki formou uma cruz com sua espada em alta velocidade.

Quando ele fez isso, a onda de choque voou em linha reta e despedaçou os monstros que preenchiam a passagem.

O poder de um ‖Corte‖ usado com duas espadas não podia ser comparado com o poder daquele ataque.

(Ichinojo): “Essa é uma habilidade do Cavaleiro Sagrado? Ela tem um poder incrível”

(Suzuki): “Yeah. Mas o consumo de |MP não pode se comparar a escala do consumo de um ‖Corte‖. Se não fosse por este amuleto que Schreyl me deu, eu estaria a ponto de desmaiar só por usar ela uma vez. Já que o |MP do Cavaleiro Sagrado não é tão alto”

Suzuki disse isso enquanto segurava o amuleto roxo com uma estrela hexagonal desenhada que parecia ter sido comprado em um templo.

(Ichinojo): “… amuleto, huh”

(Haru): “Qual efeito ele tem?”

(Suzuki): “Enquanto eu segurar este amuleto, eu posso compartilhar |MP com Schreyl”

Compartilhar |MP, huh? Isso com certeza é conveniente.

Se eu pudesse compartilhar |MP com Haru, ela seria capaz de usar muito mais ‖Cortes‖.

(Ichinojo): “Isso significa que se você abusar, isso será um fardo para aquele garota loli?”

(Suzuki): “Garota loli… bem, eu não posso negar isso. Mas aquela garota que acompanha você, Carol não é? Ela poderia fazer amizade com Schreyl, mas ela é ainda mais nova, não é?”

(Ichinojo): “… ah. Ela parece jovem, mas ela já tem 17 anos”

(Suzuki): “17!?!? Por acaso ela é uma Minihume? Não, uma Minihume seria ainda menor”

(Ichinojo): “Ela é uma mestiça entre uma Minihume e um humano”

(Suzuki): “Entendo. Então não é de se estranhar que ela tenha essa idade mesmo com essa aparência”

Suzuki estava deliberando sobre algo.

… eu olhei para os olhos de Suzuki…

(Ichinojo): “Hey. Você! Não me diga que você está pensando em algo como ela ser uma loli legal? Isto inclui Haru, mas se você tocar em Carol eu vou ficar irritado, okay?”

(Suzuki): “Eu-eu não vou! Já que eu tenho três importantes companheiras”

(Ichinojo): “Mas você não pode tocar nessas três importantes companheiras, pode?”

(Suzuki): “… por favor, não me lembre disso”

Ele balançou sua cabeça com tristeza.

Este cara está em uma situação lamentável.

Me desculpe, mas Carol já me prometeu a primeira vez dela.

Isso é diferente de ser um DT[1].

(Sutchino): “Vocês dois, parem de brincar e vão mais rápido! Há inimigos vindo de trás também”

Sutchino gritou.

Olhando para trás, eu vi inimigos se aproximando.

Era uma situação em que Haru mal estava segurando eles.

(Haru): “Mestre, eu estou bem. Eu ainda posso resistir”

(Ichinojo): “Sinto muito Haru! Milky, por favor, invoque outra barreira”

(Milky): “Okay…”

Por alguma razão, Milky pegou um talismã para usar em sua barreira enquanto estava com uma expressão de satisfação.

Mas ela me disse não tinha muitos deles sobrando. Os talismãs feitos por Jornalistas Mágicos podem ser usados em até um ano depois de sua criação, mas há a desvantagem de se levar tempo para criar eles e os Jornalistas Mágicos não são capazes de carregar muitos deles.

No entanto, por algum motivo, eu notei que Milky tinha um severo sangramento nasal como o de antes.

Alguma coisa aconteceu?

Eu estava ocupado conversando com Suzuki, então eu não acompanhei a situação atrás de mim.

(Jofre): “Sim! Está completo! Aqui vamos nós, Centauro!”

(Elise): “Vamos nessa Centauro!”

Jofre prendeu uma cenoura em uma linha amarrada na bainha de sua espada e completou a construção do improvisado aparelho de condução de Centauro… Centauro disparou no momento que eles montaram. Em outras palavras, Centauro estava correndo em direção a cenoura que estava diante de seus olhos.

Não há nada mais assustador do que um carro com os freios quebrados.

Me pergunto como esses dois podem montar em algo tão perigoso.

(Julio): “Todos, sigam o irmãozão!”

Julio se apressou para seguir Jofre e Elise.

Apesar de Suzuki ter derrotado a linha de monstros há apenas um momento, ainda mais monstros apareceram e estavam se aproximando de nós.

Esses monstros foram jogados para longe por Centauro.

Oi, oi. Os monstros daqui são bem fortes e não estão atrás dos monstros que você encontra em |Labirintos Intermediários|, não, há até alguns monstros ainda mais fortes no meio deles.

Eu escutei que eles alimentaram Centauro com [Medalhas Raras], mas quão forte ele ficou?

Além disso… Jofre é muito habilidoso. Ele esplendidamente desvia sempre que a ponta da espada está a ponto de colidir com os inimigos e leva Centauro para a rota que parece ter mais inimigos.

Nós continuamos a correr por vinte minutos. Com o objetivo de manter os cansados Milky, Sutchino e Julio no ritmo, Jofre manipulou a cenoura e fez Centauro correr em círculos pensando que isso era divertido, mas, normalmente, isso seria considerado abuso de animal, então ele deixou Centauro comer aquela cenoura.

Mas… ele não deveria ter feito isso…

(Jofre): “Merda! Essa cenoura de agora era a última, não é Elise?”

(Elise): “Eh? Então não temos mais cenouras sobrando?”

(Sutchino): “Sem chances. E pensar que nós ficaríamos sem cenouras em um lugar desses”

(Julio): “Irmãozão, o que devemos fazer se não temos mais cenouras?”

Jofre, Elise, Julio e Sutchino estavam fazendo uma comoção.

Parece patético um aventureiro ter cenouras como ferramenta de salvação.

(Ichinojo): “Ah. Eu não sei se isso vai servir como uma alternativa para a cenoura, mas eu tenho um tomate…”

No instante que eu disse isso e peguei da minha [Bolsa de Itens] o tomate produzido no ‖Meu Mundo‖, Centauro começou a correr em minha direção.

(Ichinojo): “Eh. Uwaaaaaaaa!”

Com aquela velocidade, eu nem tive tempo para jogar o tomate e só pude começar a correr para escapar.

Chegou ao ponto de Centauro estar correndo com olhos cheios de sede de sangue.

Exatamente dessa forma, eu corri para o meio dos inimigos.


[1] DT pode ser usado para dizer “virgem”.