A batalha com o ⌈Lorde Demônio⌋

Voltando um pouco no tempo, Miri e os outros estavam se preparando para a partida do dia seguinte.

Ela descobriu que os piratas iriam conversar e iriam continuar essas conversas até o dia seguinte, então ela planejou esmagar esses piratas.

(Miri): “… Kannon, o que você está fazendo?”

Miri encarou as mãos de Kannon enquanto ela estava olhando para algo trivial.

Ela olhava para o martelo que a garota segurava nas mãos e olhava para a armadura de bronze.

(Kannon): “Eu estou arrumando a armadura para o tamanho de Miryuu-chan”

Kannon respondeu com uma risada.

No antigo esconderijo dos piratas, um grande número de armaduras foi deixado para trás.

É porque havia uma tradição em que o capitão vestiria armadura durante as conversas entre piratas.

(Miri): “Por que você está arrumando o tamanho dela para encaixar em mim? Eu não planejo vestir um negócio desses”

(Norm): “Eu vou ficar com problemas se Miryuu-chan não vestir ela”

Foi Norm quem disse isso.

Ela estava com uma expressão cansada. Era pela fadiga de se mover entre |Porto Kobe| e o esconderijo dos piratas muitas vezes para comprar comida. Graças a isso, ela estava bem familiar com o funcionamento da cidade.

(Miri): “Por quê!?”

Miri se queixou com Norm.

(Norm): “Miryuu-chan é uma grande celebridade na cidade de |Porto Kobe|! Você está sendo chamada de Lorde Demônio e seu nome está circulando amplamente. Além disso, eles até têm informação sobre a sua aparência com muitos detalhes! Se você agir com violência com seu rosto visível, você vai mesmo ficar incapaz de andar na cidade sem esconder seu rosto”

(Miri): “O quê!? Eu não me incomodo com esse tipo de coisa. Não é como se eu estivesse fazendo algo ruim”

(Norm): “Você tem certeza? Se você atrair muita atenção ao ficar fora de controle, você não será capaz de ficar ao lado do Onii-san, sabia?”

(Miri): “Uu, eu não quero que isso aconteça”

Miri vacilou depois que Norm disse isso.

(Miri): “Agora que penso sobre isso, eu não visitei o mar com Onii por muitos anos só nós dois. Onii sempre esteve trabalhando em meio período… é verdade, eu trouxe meu traje de banho? Mais importante ainda, há praias em |Porto Kobe|? Melancias existem aqui, então eu iria amar dividir uma melancia com Onii”

Miri riu sozinha enquanto imaginava o momento em que ela se reuniria com Ichinojo.

(Kannon): “Não serão apenas vocês dois, Norm e eu estamos aqui também”

Enquanto ela ajustava o tamanho da armadura, Kannon a acariciou com carinho e olhou para Miri.

(Norm): “Você realmente tem destreza com suas mãos Kannon-san”

(Kannon): “Ah, bem, eu sou uma autoproclamada Ferreira afinal, então eu posso ao menos fazer isto ♪”

Ela girou seu martelo com bom humor.

(Kannon): “A propósito, eu devo adicionar uma função para mudar sua voz?”

(Norm): “Você pode fazer algo assim?”

(Kannon): “É claro Norm. Eu sou uma Artesã de Espadas Mágicas afinal. Minhas mãos estão coçando há muito tempo… hmm, mas se eu adicionar a função de mudança de voz, os sons podem ficar distorcidos também… Miryuu-chan, você não se incomoda, não é?”

(Miri): “Mas ir nadar em uma praia pode não ser bom para a educação de Onii. Vai ser ruim se ele ficar excitado vendo outras garotas em trajes de banho… talvez seja melhor se nós apenas nos lembrarmos do passado em algum café no litoral. Como uma irmã mais nova… yup, essa deve ser a escolha correta como uma irmã mais nova, não é?”

(Kannon): “Ela não está escutando, huh… bem, eu vou apenas fazer isso, contudo, eu preferia conseguir a aprovação dela depois que eu terminar”

Kannon pegou uma [Pedra Mágica] e criou uma endentação assim como fechos para inserir a [Pedra Mágica].

(Miri): “Ah, mas antes disso, nós devemos tirar uma foto comemorativa. Eu trouxe a minha câmera também… o fluido revelador e o fixador[1], yup, eu tenho certeza que eu trouxe eles também. Eu posso fazer a sala escura usando magia… eu posso me mover normalmente em uma sala escura com meu corpo atual”

Assim, as desilusões de Miri continuaram. Kannon continuou seu trabalho e Norm começou a preparar a comida.

Então, a manhã seguinte chegou.

(Miri): “Hey, Kannon. O tamanho da armadura está ótimo, mas minha voz está estranhamente abafada”

(Kannon): “Eu disse a Miryuu-chan ontem. Que eu iria adicionar uma função para mudança de voz”

(Miri): “A voz de Kannon também soa estranha”

(Kannon): “Essa é a desvantagem de ter uma função de mudança de voz. Para mudar a sua voz, eu acrescentei uma função para alterar a qualidade do som na superfície da armadura…”

(Miri): “E por que vocês estão rindo?”

Miri encarou Norm e Kannon.

Norm estava tomada pelo desespero tentando impedir sua risada enquanto Kannon gargalhava.

(Miri): “Com o que minha voz parece?”

Kannon e Norm não poderiam responder a ela.


(???): “Pwepware-she! Pywatas! (Preparem-se! Piratas!)”

A jovem garota vestindo a armadura de bronze gritou.

Eu inconscientemente franzi o cenho.

[Ichinojo]: (“Eh? Ela é na verdade uma garotinha?”)

Mais do que uma garota jovem, essa voz soava mais como o sigmatismo[2] de uma criança.

Haru e eu nos olhamos.

É claro que nenhum de nós era estúpido o bastante para baixar a guarda com isso. Mesmo de longe, nós podíamos entender o poder do ataque que Hallock sofreu há pouco.

(Ichinojo): “Não seja descuidada”

(Haru): “É claro”

Haru e eu pegamos nossas espadas.

Enquanto eu pensava comigo mesmo que teria sido melhor se eu tivesse mantido meu poder mágico, eu investiguei essa Armadura de Bronze.

O seu emprego.

Eu acabei vendo isso.

Lorde Demônio: Lv39

[Ichinojo]: (“!?!?!?”)

Você está brincando? Eu chequei o emprego dela de novo.

(Ichinojo): “… Lorde Demônio!?”

Eu inconscientemente gritei.

(Lorde Demônio): “Hwá qheme mhe cwamas asihm. (Há quem me chama assim)”

(Ichinojo): “O verdadeiro? Você é o Lorde Demônio…”

(Lorde Demônio): “Jheesus, rheal ou fwalsko, eu nwão me intweresso. Mworrah! (Jesus, real ou falso, eu não me interesso. Morram!) ‖Bola Negra‖!”

Intenção assassina subitamente nos envolveu assim que o Lorde Demônio disparou uma enorme bola de ‖Escuridão‖.

“Isso é ruim”. Esse pensamento cruzou nossas mentes assim que Haru e eu instintivamente pulamos para o lado. Logo após isso…

O lugar em que estávamos foi engolido pela ‖Escuridão‖.

E quando essa ‖Escuridão‖ desapareceu, um enorme buraco apareceu.

(Lorde Demônio): “Vwucês shão os lídheres dwos piwatas, cwerhto? Twudo vhai swer rewolvihdo asswim qui eu dwerrotar vowês! (Vocês são os líderes dos piratas, certo? Tudo vai ser resolvido assim que eu derrotar vocês!)”

(Ichinojo): “Eu realmente não entendi, mas parece que você está animada! Eu não tenho nada contra você, mas eu vou te derrotar antes que você me derrote! ‖Corte‖!”

(Haru):‖Corte‖!”

Haru e eu usamos o ‖Corte‖ ao mesmo tempo.

Ela não será capaz de desviar disso. Ou foi o que eu pensei, mas…

(Lorde Demônio):‖Escudo Negro‖!”

Um escudo de ‖Escuridão‖ apareceu na frente do Lorde Demônio e engoliu nossos ‖Cortes‖.

Merda, uma ‖Magia da Escuridão‖ no máximo é tão difícil assim para lidar? Ela pode funcionar como ataque e defesa.

É claro que, ao maximizar todos os quatro elementos, eu também poderia fazer algo parecido, mas eu com certeza não tenho |MP sobrando no momento.

(Ichinojo): “Se é assim, nós podemos apenas usar um ataque que esse escudo não possa defender”

Haru e eu nos separamos e corremos em direções opostas.

(Lorde Demônio): “Ehtão wocês pwanejham atawar di awbos oz lhados… um bow pwano, phorém… (Então, vocês planejam atacar de ambos os lados… um bom plano, porém…)”

O Lorde Demônio começou a agir depois de dizer isso. Ela se moveu direto para Haru.

Antecipando isso, Haru a recebeu atacando com sua espada. Chamas envolveram a [Presa do Dragão de Fogo]. Ela disparou uma bola de fogo contra o Lorde Demônio. Eu imediatamente entendi o plano de Haru.

Ela queria atacar o Lorde Demônio depois que ela diminuísse sua velocidade para desviar do ataque.

Contudo, o Lorde Demônio não desviou. Ela mergulhou em direção as chamas.

(Lorde Demônio):‖Armadura Negra‖

O Lorde Demônio foi coberto pela ‖Escuridão‖. Logo após eu ver isso, o Lorde Demônio colidiu com a bola de fogo e uma explosão aconteceu.

Esse foi um erro de cálculo da parte de Haru.

(Lorde Demônio):‖Agulha Negra‖

Agulhas feitas de ‖Escuridão‖ voaram de dentro das chamas.

Normalmente, Haru seria capaz de desviar desse tipo de ataque. Contudo, a armadura impediu os movimentos dela e ela não conseguiu dizer de onde o ataque iria vir pela explosão, então Haru não conseguiu se esquivar do ataque.

Uma das ‖Agulhas Negras‖ perfurou o ombro direito de Haru.

A ‖Agulha Negra‖ desapareceu depois que Haru cortou ela usando sua espada curta que estava em sua mão esquerda, mas não era como se o ferimento fosse desaparecer também.

(Ichinojo): “Malditaaaaa!”

Eu chutei o chão com força, voei em direção ao Lorde Demônio e ataquei com a minha espada de aço.

O Lorde Demônio voou para o lado para desviar.

(Haru): “Eu sinto muito”

(Ichinojo): “Não fale… ‖Cura Pequena‖!”

Eu apliquei ‖Magia de Cura‖ no ombro de Haru.

Eu na verdade queria aplicar o ‖Curar‖, mas este era o meu limite no momento.

(Ichinojo): “Você vai recuar”

(Haru): “Não, eu ainda posso lutar”

(Ichinojo): “Não”

Enquanto eu dizia isso…

(Ichinojo):‖Meu Mundo‖!”

Eu abri uma fissura para o |Meu Mundo| e carreguei Haru.

(Ichinojo): “Desculpe pelo tratamento bruto”

(Lorde Demônio): “Mwagia Spwacial? (‖Magia Espacial‖?)”

O Lorde Demônio murmurou em dúvida. Como esperado, até mesmo o Lorde Demônio não sabia sobre a magia do Desempregado.

Se é assim, agora é minha vez!

(Haru): “Mestre”

Eu escutei a voz de Haru do outro lado da fissura espacial.

Se eu deixar ela assim, ela pode voltar… mesmo que ela tenha que desobedecer minhas ordens.

(Ichinojo): “A partir de agora, eu vou te mostrar o estilo de luta de um Desempregado! Se prepare, Lorde Demônio Miryuu!”

Eu fechei a porta para o |Meu Mundo| enquanto dizia isso.

(Haru): “!?!?!? Por favor espere! Lutar com essa pessoa…”

Eu escutei a voz de Haru.

É verdade, lutar contra ela seria complicado, mas eu iria mostrar a forma que um Desempregado lutava.


[1] Revelador e fixador são produtos químicos usados para a revelação de fotos.

[2] O sigmatismo é caracterizado pela pronúncia incorreta de fonemas, como “s”, “e”, “x”, “j” ou “z”. Está associado a desordens nos órgãos fonoarticulatórios, dentários ou craniofaciais, ou ainda, sucção contínua de chupeta, respiração bucal e próteses dentárias.