A rota da irmã mais nova (Parte 1)

O plano era que Miri e eu explorássemos |Porto Kobe| apenas nós dois… mas…

(Ichinojo): “Miri, você tem certeza disto? Afinal, você é bem famosa em |Porto Kobe|. No mínimo, seu nome é bem conhecido”

(Miri): “Vai ficar tudo bem Onii. Aparentemente, eles ainda não têm a descrição correta do meu rosto, então não teremos problemas contanto que obriguemos os piratas a espalhar notícias dizendo que essa Miryuu e eu somos pessoas diferentes”

(Ichinojo): “Obrigar… tudo bem. Eu vou convencer Hallock a fazer isso, então, quando eu for me desculpar com ele… sheesh”

Assim que eu suspirei, Miri olhou para mim de baixo e perguntou.

(Miri): “Onii, você desistiu de viver racionalmente?”

A pergunta de Miri me fez refletir.

Agora que ela mencionou isso, me pergunto quando isso começou? Quando eu parei de dizer que queria viver de forma racional. Pensando bem, no passado, eu nunca iria pensar em agir como um pirata para participar de uma negociação.

(Ichinojo): “… agora que você mencionou isso, eu temporariamente desisti de viver racionalmente desde que vim para esse mundo… talvez seja porque eu morri?”

(Miri): “Mesmo que você me pergunte isso, eu não tenho a resposta”

Miri rui, achando graça disso.

(Miri): “Mas eu acho que isso combina muito com você. Vamos tentar nos tornar um par de irmãos inigualáveis!”

(Ichinojo): “Eu nunca poderia ficar tão inigualável quanto você”

Quando eu disse isso…

(Kannon): “] Tosse [”

Kannon limpou sua garganta.

Eu olhei ao redor e vi todas encarando eu e Miri.

(Kannon): “Onii-san Espadachim, não me diga que você se esqueceu de nós?”

(Haru): “Mestre, por favor, se divirta. Eu vou escovar o pelo de Fuyun”

(Carol): “Ichino-sama, se você planeja ter uma refeição, eu recomendaria o café com teto verde na Rua Leste. Você pode ter a melhor vista de |Porto Kobe| se você conseguir um assento no terraço”

(Norm): “Yeah, é óbvio que Miri-chan realmente sentiu falta de Onii-san. Pionia-san mencionou que ela irá fazer um banho ao ar livre para todas nós depois disto, então vamos tomar um banho juntas mais tarde”

Kannon, Haru, Carol e Norm, cada uma delas deu seu apoio para o meu passeio com Miri.

(Pionia): “Então, eu devo começar a trabalhar na construção do banho. Sheena Nº 3-san, posso contar com a sua ajuda?”

(Sheena): “Entendido Pionia-san”

Pionia e Sheena se deram bem sem que eu percebesse e saíram para construir o banho ao ar livre.

(Ichinojo): “Portanto, eu vou aceitar as recomendações de todas e vou passar um tempo em família pela primeira vez depois de muito tempo”

Eu olhei para Miri e acenei com a cabeça.

Depois de sair do |Meu Mundo|, eu acordei os piratas amarrados e disse a eles que eu venci o duelo e os campos de pesca seriam divididos igualmente. Como não houve ninguém verificando a conclusão da luta e minha armadura já tinha sido retirada, eu me perguntei o que aconteceria se eles afirmassem que a partida foi invalidada, mas Miri invocou ‖Magia da Escuridão‖ e fez uma parte do penhasco desaparecer antes de apontar sua mão para os piratas e liberar sua sede de sangue, fazendo com que todos os piratas se prostrassem no chão e dissessem “Nós estamos felizes com metade. Por favor, nos permita continuar com nossas vidas”, apelando por suas vidas em lágrimas.

Eu desamarrei Hallock e conclui a mediação entre os piratas ao fazer os pontos de pesca serem divididos igualmente pelos próximos dez anos.

(Hallock): “Jesus, eu fiquei em choque ao ouvir que o Lorde Demônio Miryuu era na verdade a irmã mais nova desaparecida do Sensei”

Hallock falou brincando, mas suas pernas estavam claramente tremendo.

(Ichinojo): “Eu sinto muito pela bagunça que a minha irmã mais nova fez”

(Hallock): “Não, não, não se preocupe com isso. Vocês resolveram o problema dos pontos de pesca e, além disso, vocês deram uma experiência terrível para os piratas do outro lado. Eles disseram que vão desistir da pirataria e vão partir em uma jornada para se tornarem monges”

(Ichinojo): “Sério? Quem sabe eles se encontrem com os antigos piratas do |Porto Kobe| algum dia”

Eu mostrei um sorriso sem graça. Eu me impedi de contar sobre o fato do Lorde Demônio ter aumentado o número de Clérigos.

(Miri): “Hey, Onii. Me pergunto quanto tempo se passou”

(Ichinojo): “Hn? Eu embarquei em vários barcos nos últimos tempos”

(Miri): “Quero dizer, apenas nós dois”

(Ichinojo): “Nós dois… eu só me lembro daquela vez com o barco no parque”

(Miri): “Ah, aquele estaleiro de aluguel. Ele declarou falência ano passado”

(Ichinojo): “Você não pode dizer que o negócio falhou. O dono não era um vovô aposentado que só abriu o negócio por puro interesse? O aluguel do barco era de apenas cem ienes[1] afinal”

Quando eu disse isso, eu senti uma lágrima escorrendo por minha bochecha.

(Ichinojo): “Eh? Por quê? Eu pensei que meus sentimentos pela Terra eram apenas relacionados a Miri… eu não entendo porque estou chorando”

(Miri): “Eu entendo os sentimentos de Onii. Afinal, não podemos voltar para aquele lado não importa o quanto desejemos isso”

(Ichinojo): “Eu estou consciente disso. Mas por que agora?”

(Miri): “Provavelmente foi porque Onii não teve tempo para pensar sobre isso. Onii apenas pensou em mim e se preocupou sobre como eu estava indo e não teve tempo de sentir saudades das outras coisas… Onii é gentil afinal”

Miri disse isso e segurou meu braço.

(Miri): “Mas essa não foi uma hora ruim. Afinal, essa não era uma memória que você queria esquecer. É por isso que eu sinto que está tudo bem se lembrar do passado e chorar. Não se preocupe, eu sempre estarei ao lado de Onii”

A voz de Miri… a voz carinhosa da minha irmã mais nova aumentou minhas lágrimas.


(Ichinojo): “Então, por que estamos aqui?”

O primeiro lugar que Miri e eu visitamos foi a   Guilda de Aventureiros de Porto Kobe.

(Miri): “É porque eu quero ver diretamente o Status do Onii”

Miri disse com um tom infantil.

Para ver o Status de outra pessoa, a condição era obter a permissão para fazer parte do grupo dessa outra pessoa. Mesmo eu já sabendo o emprego e o Level de Miri, eu também não conhecia o Status dela, então eu também queria ver o dela.

(Ichinojo): “Mas só Aventureiros podem usar este prédio para fazer isso, não é? Eu não sou uma Aventureiro, sabia?”

E não tem jeito de Miri, com seu emprego de Lorde Demônio, ser uma Aventureira.

(Miri): “Não se preocupe, Miri pode parecer assim, mas Miri é uma Aventureira”

Ela me mostrou seu [Certificado da Guilda de Aventureiros].

(Miri): “Eu vou pedir uma transferência temporária do Onii para o meu grupo. É claro que eu irei pagar pelas taxas do serviço, então não precisa se preocupar”

(Ichinojo): “Não seja estúpida. Até mesmo eu adquiri uma boa soma de dinheiro. Eu vou pagar a taxa do serviço…”

(Miri): “Oo, então Onii também cresceu. Você conseguiu se graduar do desemprego. Yup, yup, eu estou mesmo feliz. Além disso, eu estou ansiosa para descobrir o emprego de Onii. Eu nunca escutei sobre uma magia chamada ‖Meu Mundo‖

(Ichinojo): “…”

(Miri): “Hmm? Qual o problema? Onii?”

(Ichinojo): “Não, não é nada”

Agora que eu pensei sobre isso, eu ainda não disse isso para Miri.

Que eu não me graduei do desemprego.


[1] Aproximadamente R$ 3,05.