Ficando forte mais rápido com a trapaça do conhecimento [Edição da Aprendizagem]

Hey. Sou eu.

Eu recebi um título chamado ‖Santo‖ ou algo parecido.

Para ser franco… eu cresci consideravelmente mais forte do que o esperado.

… minha |Mana trapaceira é bastante perigosa.

Mesmo eu dizendo essas coisas, eu ainda sou apenas um Aldeão.

Não importa quão alto seja minha |Mana ou |MP, eu não posso usar magias de alto nível.

Como prova disso, não importa a quantidade de magia que eu use, o level da minha ‖Magia Comum‖ não passa do level 7.

Bem, o excedente de |MP pode ser arrumado quando eu estiver na |Morada do Dragão|.

Quero dizer, no meu estado atual, eu posso caçar Demônios, mas… eu ainda não quero aumentar meu level.

Há um motivo para isso.

O lugar para onde estou indo hoje é… o vale atrás da montanha onde minha casa fica.

Bom, tem uma grande cachoeira lá e um velho sujo vivendo em uma cabana nas redondezas.

Na minha vila, ele é conhecido como um vagabundo esquisito.

Na verdade, quando ele vem até a vila, os serviços e produtos são mais caros para ele. Aldeões comuns também evitam o velho e espalham boatos sobre ele.

E, analisando a ordem cronológica dos eventos do tutorial, daqui a alguns meses, Cordelia irá receber um Oráculo.

Um grande homem da capital irá para nossa vila procurar por alguém… descobrimos mais tarde que esse velho é uma pessoa incrível.


Bernard Alabaster.

Ele é um Espadachim que uma vez foi considerado o mais forte da Ordem dos Cavaleiros do reino.

Como ele estava vivendo por perto, o chefe da vila curvou sua cabeça e pediu a ele que ensinasse Cordelia a se tornar uma Espadachim, mas ele recusou.

É claro que isso iria acontecer.

Se você fosse tratado com uma pessoa estranha e, quando descobrissem sua identidade, você definitivamente sentiria nojo das pessoas que repentinamente decidiram puxar seu saco.

Assim… mesmo ele sendo o mais forte na Ordem dos Cavaleiros da capital morando na periferia do país, honestamente, eu não me importo com isso.

O que é importante é a sua experiência.

Ele nasceu um Aldeão, cresceu como um Aldeão e se casou como um Aldeão.

Além de trabalhar em uma fazenda, ele foi abençoado com três filhas. Mesmo pobre, ele criou uma família feliz.

Até que o incidente aconteceu… no terceiro ano após sua última criança nascer.


Sua vila foi atacada por um grupo de Orcs.

A diferença no poder de luta era evidente. Os homens desistiram e fugiram. A vila foi destruída. Sem poder fazer nada, as mulheres foram raptadas com propósitos sexuais e todo o trigo foi saqueado.

É claro que a esposa e suas filhas foram levadas pelos Orcs.

E ele, que perdeu tudo, desapareceu de sua vila.

Depois de dez anos se passarem, ele apareceu de repente na Competição de Espadas da capital.

E assim, derrotando casas poderosas que eram apontadas como as favoritas na competição, ele venceu espetacularmente e entrou para a Ordem dos Cavaleiros.

Além disso, em poucos anos, ele se tornou o Comandante da Ordem e colocou todo o seu suor e sangue na destruição dos grupos de Orcs.

Na verdade, o título Matador de Orcs é mais conhecido do que seu próprio nome.

Assim, depois de matar o último Orc do país, ele se aposentou da ordem e foi viver sozinho neste vale.

Bem, para ele, continuar vivo era como um extra…

E ele é importante para mim por um único motivo.

Ele é um Aldeão. Entretanto… mesmo ele tendo um level comum, ele conseguiu vencer a Competição de Espadas como um Aldeão.

Esse é o porquê de eu estar indo para a casa dele… o motivo por eu estar andando agora.


(???): “Vá para casa”

Essas foram as primeiras palavras que ele me disse enquanto bebia uma garrafa de cerveja.

Um homem com cabelos brancos em seus 40 anos.

Um homem ridiculamente musculoso e barbudo, vivendo em um quarto com aproximadamente dez tatames[1].

No quarto dele havia garrafas e lixo por todo o lugar.

O quarto era terrivelmente anti-higiênico e fedia a álcool.

(Lute): “Não é como se eu só pudesse ir para casa”

Eu peguei uma das garrafas.

Eu derramei o conteúdo em um copo no chão e engoli de uma vez.

O saquê é ruim.

O uísque vendido por 700 ienes[2] no Japão é mais saboroso que isso.

(Bernard): “Garoto… você bebe?”

(Lute): “Você não tem um saquê melhor? Este aqui é muito ruim”

Então, Bernard-san disse isso com um pequeno sorriso.

(Bernard): “Você é uma criança esquisita. Então está aqui… para ser um aprendiz?”

(Lute): “Sim. É isso”

Depois de pensar um pouco, Bernard-san balançou sua cabeça.

(Bernard): “Eu disse para ir para casa. O meu eu atual não pode ensinar ninguém. Mesmo se eu dissesse que na verdade…”

Eu interrompi as palavras de Bernard-san erguendo minha mão.

(Lute): “É por causa da sua doença?”

O rosto de Bernard-san ficou pálido.

(Bernard): “Eu nunca disse isso… para ninguém”

(Lute): “Bem, com certeza você não disse”

Eu respondi com um sorriso audacioso.

Foi registrado que Bernard-san morreu devido a cirrose hepática.

Mesmo sabendo que isso era errado… eu peguei um pequeno frasco do meu bolso.

(Bernard): “Oi… garoto… isto é?”

(Lute): “É um [Elixir]

Cirrose hepática… esta é uma droga mágica para o tratamento de problemas em órgãos.

Se houvesse algo parecido no Japão moderno e só um número limitado, esse remédio valeria pelo menos 100 milhões de ienes a unidade.

Este remédio usa materiais extremamente caros como se fossem água. Não é de se estranhar que a produção é tão pequena.

Inevitavelmente, ele é comercializado a um preço absurdamente alto neste mundo.

Bernard-san olhou para o líquido verde com uma expressão de choque e começou a rir.

(Bernard): “Fuhaha… fuhahaha… garoto… como você conseguiu tanto dinheiro?”

(Lute): “… com ‖Magia de Cura‖

(Bernard): “Você pode usar ‖Magia de Cura‖… mesmo assim, para comprar um [Elixir] seria preciso uma quantia enorme…”

Eu continuei em silêncio por um tempo, pensando se eu deveria dizer ou não… eu decidi falar a verdade.

(Lute): “Meu |MP é maior que dez mil”

Enquanto dizia isso, eu peguei minha [Placa de Status].

Eu já tinha escondido as informações além do meu status e do meu |MP.

(Lute): “Abrir [Placa de Status]. Eu permito que outros a vejam”

E então, Bernard-san olhou com olhos assustados.

Foi um longo, longo silêncio.

Um jovem misterioso que sabia sobre a doença que ele nunca tinha revelado a ninguém. Além disso, com um [Elixir] nas mãos.

Mais que isso, ele tinha o |MP que nenhum humano jamais teve.

Se ele fosse um inimigo, não haveria nada mais assustador do que este garoto.

(Bernard): “… você é um yokai[3]… ou um tipo de Demônio? Com |MP de dez mil… não há no mundo um Mago rank A desse calibre…”

(Lute): “Não, eu sou só um humano normal”

Bernard-san riu como se eu tivesse contado uma piada.

(Bernard): “Então por que um monstro com |MP maior que dez mil me quer como professor? Se você quer aprender magia, deveria ir para a Academia de Magia na capital do país… não, na capital do império”

(Lute): “Eu sou um Aldeão. Não importa quanto esforço eu coloque, o máximo que eu posso obter é a ‖Magia Comum‖

Depois de pensar um pouco, Bernard-san concordou com a cabeça.

(Bernard): “Parece que você tem várias… razões… então… foi por isso que você veio para minha casa?”

(Lute): “Sim, essa é a razão de eu ter guardado todo o dinheiro que eu ganhei. Será um problema para mim se você morrer”

(Bernard): “Haha… sério. Que criança assustadora. Você pode me dizer seus problemas?”

(Lute): “Eu preciso ficar mais forte. Mais do que isso… eu sinto muito, mas não vou dizer”

(Bernard): “Muito bem… então… seu objetivo é aprender a ‖Técnica de Fortalecimento Corporal‖?”

Eu balancei minha cabeça.

‖Técnica de Fortalecimento Corporal‖… uma habilidade para fortalecer o corpo.

É diferente do ‖Fortalecimento Físico‖ que eu tenho agora.

Com o potencial de poder como base, o ‖Fortalecimento Físico‖ é uma maneira de aumentar esse poder. Com o corpo de um mero Aldeão, o poder ganho não é muito grande.

Assim, a ‖Técnica de Fortalecimento Corporal‖ é necessária.

Essa é uma habilidade para aumentar o status e aumentar o poder de uma pessoa.

No entanto, é uma habilidade que consome muito |MP. Normalmente, não há ninguém que iria querer aprender essa habilidade.

Bernard-san também, para lutar contra os Orcs… imprudentemente aumentou seu |MP na primeira fase de seu plano.

Porém, ele é apenas um Aldeão.

O álcool não era o culpado por sua doença.


Existe uma forma parecida com doping para aumentar seu |MP.

Fazendo uso deste atalho por vingança, ele irresponsavelmente usou seu corpo mesmo sendo um Aldeão.

Mesmo se ele beber o [Elixir] e curar a doença em seus órgãos internos, ainda há muito que não pode ser curado.

É por isso que mesmo se ele ingerir o [Elixir] e dar o seu melhor, ele não vai viver muito, ou ao menos não o bastante para morrer de velhice.

(Bernard): “Mas… você precisa da habilidade ‖Fortalecimento Físico‖ antes de aprender a ‖Técnica de Fortalecimento Corporal‖. Você precisa aprender esta habilidade primeiro”

Sim. Eu concordei com minha cabeça e disse…

(Lute): “Se é esta habilidade eu já estou usando”

E então, eu facilmente ergui Bernard-san.

(Bernard): “… hmm. Parece mesmo que você está usando-a”

(Lute): “Fyi… esta habilidade está no máximo”

Bernard-san disse de novo depois de suspirar longamente.

(Bernard): “Que tipo de criança você é? No entanto… aquele |MP é mesmo fora do padrão. Eu quero saber de algo… como você treinou para chegar nesse status?”

(Lute): “Você pode chegar nesse nível se você aguentar a dor. E… ‖Kimonhou‖[4] é parecido com isso, não é?”

A expressão de Bernard-san ficou estranha.

(Bernard): “Eu até entendo que você saiba sobre… a ‖Técnica de Fortalecimento Corporal‖. Mas, onde você… soube sobre esse… kinjutsu[5]?”

Eu precisei de um momento para organizar meus pensamentos e decidi ser honesto.

(Lute): “Eu sei… sobre muitas coisas”

A resposta não serviu para explicar muito.

Contudo, Bernard-san fez uma expressão de que tinha sido convencido.

(Bernard): “Por acaso você não é um tipo de Mononoke[6] ou algo parecido… mesmo que seja, eu te devo minha vida. Então… kinjutsu… ‖Kimonhou‖, o que você sabe sobre isso?”

(Lute): “Para virar um Asura[7]… para aumentar meu status… um caminho para virar um Oni[8]

(Bernard): “Para ser mais preciso, é na verdade uma maneira de você se tornar um Oni… você sabe por que ele é um kinjutsu?”

(Lute): “O uso de |MP é gigante… na situação em que o usuário fica sem |Mana, a alma será consumida para continuar com a técnica de fortalecimento… é como assinar sua sentença de morte, não é?”

(Bernard): “Se você tem ‖Fortalecimento Físico‖ e a ‖Técnica de Fortalecimento Corporal‖, esgotar toda sua |Mana é quase impossível. Mas… ‖Kimonhou‖ continuará a consumir sua alma até você desativa-la”

Com um silêncio pesado, Bernard-san procurou por uma resposta.

(Bernard): “Quando |Mana é usada, sua vida estará em risco… é uma técnica que pode te matar… você ainda quer aprender isso?”

Eu ri maliciosamente.

(Lute): “Com quem você pensa que está falando?”

Eu continuei a falar com um leve sorriso.

(Lute): “O meu |MP não é maior do que dez mil?”

Como se estivesse se lembrando de algo engraçado, Bernard-san riu.

(Bernard): “Sim… eu esqueci disso. É que é muito irracional… eu acidentalmente expliquei isso pensando que se tratava de uma pessoa normal… bem, ficará tudo bem… se for você… você poderá usar todo o potencial desta técnica…”

Assim, ele afagou minha cabeça, bagunçando meu cabelo.

(Bernard): “Você… vai ficar mais forte”

(Lute): “Foi o que eu disse”

Eu ofereci minha mão direita.

Bernard-san a pegou com força.

Eu preciso ficar mais forte.


Seis anos se passaram depois disso.

Amanhã é o dia em que os Goblins atacarão minha vila.

É também o dia em que o Dragão virá resgatar Cordelia.

 

Nome:Lute MarklenLevel:1
Raça:HumanoOcupação:⌈Aldeão⌋
Idade:12 anosCondição:Normal
HP:50/50 (38↑)MP:12.050/12.050 (1.630↑)
Ataque:35 (20↑)Defesa:35 (20↑)
Magia:2.154 (231↑)Evasão:55 (20↑)
Habilidades de Fortalecimento
‖Fortalecimento Físico‖: Lv10 (Máximo)
‖Técnica de Fortalecimento Corporal‖: Lv4
‖Kimonhou‖: Lv5
Habilidades Defensivas
‖Estômago Indestrutível‖: Lv2
‖Resistência Mental‖: Lv2
‖Invencível‖: Lv10 (Máximo)
Habilidades Cotidianas
‖Cultivo Agrícola‖: Lv15 (Superar Limite: Benção da Deusa)
‖Técnica com Espada‖: Lv4
‖Taijutsu‖[9]: Lv6
Habilidades Mágicas
‖Manipulação de Mana‖: Lv10 (Máximo)
‖Magia Comum‖: Lv10 (Máximo)
‖Ataque Mágico Básico‖: Lv7 (Limite de Crescimento)
‖Recuperação Mágica Básica‖: Lv7 (Limite de Crescimento)
Títulos
‖A Criança Mais Forte da Terra‖: Lv10 (Máximo)
‖Jovem Sábio‖: Lv10 (Máximo)
‖Mãos que Curam‖: Lv10 (Máximo)
‖Santo‖: Lv3 (Limite de Crescimento)
‖Oniko‖: Lv10 (Máximo)
‖Mago Herege‖: Lv2
Bônus de Habilidades
Usando ‖Técnica de Fortalecimento Corporal‖
  • |Ataque |Defesa |Evasão  + 150 pontos
Usando ‖Kimonhou‖
  • |Ataque |Defesa |Evasão  + 250 pontos
Usando ‖Fortalecimento Físico‖
  • |Ataque |Defesa |Evasão  × 2 pontos

[1] Aproximadamente 15m2. Um quarto com 3m de largura e 5m de comprimento.

[2] Quase R$ 20,00.

[3] Yokai, ou Youkai, é uma classe de criaturas sobrenaturais do folclore japonês.

[4] Kimonhou seria algo como a “porta do demônio”.

[5] Kinjutsu significa técnica ou habilidade proibida.

[6] Espírito de vingança.

[7] Asura é uma espécie de semideus.

[8] Oni são criaturas da mitologia japonesa. O termo Oni é equivalente ao termo “demônio” ou “ogro”.

[9] Taijutsu é um termo japonês que se refere a um estilo de luta que envolve chutes e socos. É parecido com o Karatê, mas tem um foco maior nas técnicas corporais.