Encontro com os Elfos

A elfa com cabelo prateado me agradeceu.

(Wazu): “…”

Huh? Eu me pergunto porquê… minha voz não sai. Além disso eu acho que minhas bochechas estão quentes. Ficará estranho se eu não dar nenhuma resposta logo!! Umm… umm… o que eu posso dizer neste tipo de situação? Qualquer coisa servirá. Eu só preciso dizer alguma coisa… ah veja, ela está esperando pela minha resposta! Por favor não me encare com esses olhos…

E agora!! Eu não consigo pensar em nada!!

Droga! Porque eu não consigo falar direito em um momento tão crítico. Minha tão esperada conversação depois de dois anos está escapando. Elfa-san você também… o que foi? Huh? Tem alguma coisa na minha cara? Me olhando com essa cara…

Fofa…

] sigh!! [

Não, não assim!!

A criança também está me olhando com preocupação… merda!!!

A pressão está ficando muito grande. Acalme-se. Eu preciso dizer algo. Vamos respirar profundamente. Com certeza há algo que eu possa dizer.

Alguma coisa… alguma coisa… alguma coisa…

(Wazu): “Tudo bem! Eu já decidi~~~!!!!”

Nãão… O que diabos foi isso!?

Minha mente apagou de repente. Aah. Eu estraguei tudo dessa vez. Eu entendi. Yeah. Eu entendi isso claramente. Apenas aconteceu. Eu não acredito no que eu acabei de falar, mas não dá para voltar atrás agora. Eu aceito isso. Eu vou aceitar qualquer coisa que ela disser. Por favor não me abandone corpo. Acalmem-se minhas pernas. Vamos aceitar nossa desgraça juntos. Eu consegui fortalecer minha razão.

(???): “Hey-Hey”

(???): “Ha-Ha hahaha”

Duas risadas ecoaram na minha consciência. A voz do homem me deu uma sensação incrível e a voz da mulher… parece que ela está se divertindo. Duas pessoas que acabaram de cuidar do cara das cicatrizes andam lentamente na minha direção.

(Elfo): “Garoto, que diabos você está falando tão de repente?”

(Elfa): “Isso não é bom? Eu acho que ele é um garoto engraçado, você não concorda Sarona?”

(Sarona): “Vocês aí, ele acabou de salvar Siena, vocês não deveriam agradecê-lo primeiro?”

Sarona huh… eu acho esse um nome lindo.

(Elfo): “Yeah. Desculpe. Muito obrigado mesmo”

(Elfa): “Eu sei, eu sei. Obrigado por ajudar a Siena”

(Wazu): “Ah não. Me desculpem por falar algo tão esquisito do nada”

Eu abaixei um pouco minha cabeça. Enquanto isso eu dei uma boa olhada em Sarona-san. Ela está com um sorriso enorme no rosto.

(Siena): “Onii-chan[1], obrigado por me salvar”

Siena também está me agradecendo.

Quando ela me chamou de Onii-chan, eu me lembrei da minha irmã que deixei na |Cidade Imperial|. Sem perceber eu gentilmente acariciei a cabeça de Siena. Eu me pergunto se minha irmã está bem…

(Sarona): “Bem, não é como se suspeitássemos de você, mas por que você está sozinho neste tipo de lugar?”

Eu acabei de notar que eu ainda não me apresentei quando Sarona-san se referiu a mim como “Você”.

(Wazu): “Umm… por onde eu começo…ah meu nome é Wazu e graças a um monte de coisas eu acabei de descer AQUELA montanha. Quando eu estava tentando sair desta floresta eu escutei um choro e acabei aqui…”

Enquanto eu explicava, eu apontei para a |Montanha| onde eu vivi por dois anos.

(Elfo): “Espere aí. A montanha a que você se referiu agora pouco…é algum tipo de piada?”

(Elfa): “Isso aí. Nós não sabemos como reagir a isso. Para elfos que vivem nesta floresta, aquela montanha não é algo com que se possa brincar”

(Wazu): “???”

Piada? Brincar? Eu acabei de falar a verdade sobre mim. Por alguma razão eles acharam que eu estava brincando… estou me sentindo desconfortável. Bem, é melhor não me preocupar com isso. Em vez disso eu quero saber a localização da cidade mais próxima. Mas Sarona-san fez um comentário de repente.

(Sarona): “Vejamos… vou te dizer isso mais tarde, mas primeiro por que você não vem para nossa vila? Nós estamos te devendo por ter ajudado Siena então nos deixe dar algo em retorno”

(Elfa): “É isso mesmo. Se for um simples jantar eu posso fazer”

(Elfo): “Huh? Isso é algo que não se vê todo dia!! Será que teremos o ataque de uma horda de monstros amanhã?”

(Elfa): “O que você quer dizer?”

Sarona-san parece estar se divertindo vendo esses dois se provocando. Eu estava acariciando a cabeça de Siena enquanto olhava para os três. Com certeza se passou muito tempo.

Eu aceitei a oferta de Sarona para ir a |Vila Élfica|. Sarona-san está indo na frente como guia, os outros dois estão conversando comigo sem parar. Aparentemente é incomum para eles serem tão amigáveis com pessoas que acabaram de conhecer. Eu descobri seus nomes ouvindo suas conversas. O homem é Yuyuna e a mulher é Ruruna. Os dois são gêmeos. Yuyuna é um homem alto com olhos pequenos. O corpo de Ruruna é um pouco rechonchudo e ela tem olhos que transmitem gentileza.

Nós tivemos uma conversa divertida enquanto nos dirigíamos para a |Vila Élfica|. Eu quero falar com Sarona-san, mas as palavras não saem quando estou diante de Sarona-san. Muuu…

E então, nós chegamos na |Vila Élfica| dentro da floresta. Um grupo de elfos estava na frente da vila. Uma mulher desse grupo correu na nossa direção. Siena também se afastou de mim quando a viu. As duas se abraçaram enquanto choravam. É a mãe dela, com certeza…

Os outros elfos estão dizendo “Obrigado” ou “Muito bem” para o grupo de Sarona-san. Eu me separei desse três para assistir de longe.

Hmmm… eu notei que alguém na multidão está com um olhar malicioso para o grupo da Sarona-san.


[1] Onii-chan significa irmão mais velho em japonês. O honorífico chan é usado para enfatizar o respeito pela pessoa em questão.