E eu escutei a história dela…

Regan e Garret-san vieram correndo para o quarto assim que eu derrotei o lorde. Eu não sei bem sobre a situação porque eu só vim resgatar Tata-san que foi sequestrada, mas, aparentemente, há alguma história por trás disso.

Eu pensei que não faria muito sentido continuar neste lugar, porque eu não sabia sobre as circunstâncias. Eu falei a eles sobre o que aconteceu aqui brevemente e decidi voltar sozinho.

É claro que eu não disse nada sobre a confissão que eu fiz repentinamente porque eu sabia que eles iriam caçoar de mim mais tarde.

Huh? Pensando bem, eu não escutei a resposta dela…

Bom, sempre há o amanhã. Eu voltei para a estalagem e fui dormir com um sentimento de dever cumprido.


No dia seguinte…

Fwuaaah… que manhã agradável e refrescante!! Venha ver isto!! Nós fomos abençoados com um Sol maravilhoso…

Ou não!!

Eu acordei e pulei da cama para abrir a janela, só para encontrar um céu nublado e opaco. Vai chover. Minha tensão baixou de uma vez.

Bem, antes de ver Tata-san, vamos limpar o corpo primeiro. Eu também gostaria de perguntar a Regan sobre como as coisas terminaram ontem.

Eu fui até a sala do mestre da guilda que eu visitei tantas vezes. Nos sentamos frente a frente no sofá como de costume e eu perguntei a Regan sobre os detalhes de ontem.

De acordo com Regan, Tata-san vendeu seu corpo para pagar a dívida de seu pai. Garret-san também sabia sobre as circunstâncias. Na mansão, ela nunca conhecia a pessoa que iria visita-la. Um dia, um convidado indesejado apareceu e desejou ela. Sua identidade era, obviamente, o lorde. Apesar de eles estritamente escolherem clientes que não iriam causar problemas no futuro, eles não puderam recusar o lorde devido a seu poder e sua autoridade.

Mais tarde, a investigação liderada por Regan e Garret-san descobriu o fato de que a dívida era na verdade um plano do lorde para tentar ficar com Tata-san. Havia informações sobre o lorde fazendo coisas ilegais que causariam problemas se fossem confirmadas. Quando o lorde tentou se livrar das evidências, o incidente aconteceu. A propósito, atualmente o lorde está…

(Regan): “Eu não entendo isso. Eu não sei nem se ele está vivo ou morto agora”

Desse jeito. Parece que ele estava inconsciente desde aquela hora como se estivesse morto com seu corpo cheio de rachaduras. Eu escutei que não havia sinais de que ele iria acordar. Bem, honestamente eu acho que ele fez por merecer.

Eu pensei em acabar com a conversa logo, assim eu poderia me encontrar com Tata-san. Mas antes de isso acontecer, Regan me disse que havia uma coisa para me dizer. No momento em que eu entendi suas palavras, eu saí depressa deste lugar.


(Regan): “Bem, como há uma possibilidade da família do lorde tentar se vingar de Tata e sua família, Garret enviou eles para um lugar seguro pela manhã. Eu também não sei qual é o destino”

Ele disse.

Quando eu cheguei na mansão de Garret-san, não havia ninguém lá. Tata-san, Garret-san, Sr. Cara Assustadora, pessoal da guarda, todos tinham sumido.

.. huh? O que é isso!?

E quanto… a resposta da minha confissão…

Eu fiquei de pé paralisado por um momento e então, alguém veio da parte detrás da mansão e caminhou até mim.

Tata-san!!

Eu pensei nisso e me virei para a pessoa. No entanto, era a mulher com orelhas de gato que eu via de vez em quando.

(???): “Olá”

(Wazu): “O-olá… umm…”

(???): “Oh. Você não se lembra de mim. Eu só vim aqui em nome de Tata onee-sama[1] para te dizer que ela está bem”

(Wazu): “Eh. O qu…”

Eu não acho que ela está me dizendo isso de boa vontade, porque eu posso sentir que ela está zombando de mim de alguma forma…

(???): “Que chato. Tata onee-sama não está mais aqui”

(Wazu): “Aa. Eu escutei isso de Regan… ela deixou a cidade, não é?”

(???): “Yeah. Mas eu não posso te dizer o destino”

(Wazu): “… então, o que Tata-san queria me dizer?”

Eu estou pressentindo que eu não deveria querer escutar esta resposta. Mas a pessoa na minha frente parece querer dizer algo não importa o motivo. Então eu não tenho escolha.

Mas eu ainda acho que seria melhor não escutar…

(???): “Huh? Você ainda não entendeu? Você levou um FORA!!”

Para ser honesto… eu pensei que era isso. Considerando a situação e tudo. Mas mesmo assim, eu não queria admitir isso…

(???): “É mesmo uma pena, mas você deveria desistir de Tata onee-sama. Eu acho que você deve ser capaz de entender pelo menos isso”

Eu não quero ouvir ela… talvez isto seja algum tipo de pesadelo…

(???): “Você só foi usado para nossa conveniência porque você é forte. Graças a isso, Tata onee-sama está segura. Mas tudo foi resolvido agora que aquele lorde maldito se foi. Eu te agradeço do fundo do meu coração. Muito obrigado mesmo”

Eu não preciso de palavras de gratidão…

(???): “E adeus. Eu acho que não verei mais você…”

Ela disse.

Enquanto dizia isso, ela passou ao meu lado com um olhar ridículo de triunfo e me deixou sozinho neste lugar. Eu me ajoelhei como se tivesse perdido toda a minha força.

Entendi… eu só fui usado… entendi… entendi…


[1] Onee-sama significa irmã mais velha em japonês. O honorífico sama é usado em casos de extremo respeito pela pessoa em questão.