Eu não disse que não faria isso

Haosui falou com uma voz desapontada como se tivesse perdido o interesse depois de me ver olhando seu [Cartão da Guilda] perdido em pensamentos.

(Haosui): “… então? Entende agora? Ninguém pode me derrotar”

(Wazu): “… mesmo assim, por que você quer lutar comigo?”

Haosui olhou para o vazio enquanto pensava. Lentamente, ela voltou a olhar para mim e balançou sua cabeça.

(Haosui): “… porque não tenho nada mais para fazer?”

A influência da “demonização”… bom, não parece ser isso. Talvez ela só tenha ficado forte demais e como ninguém tem a força para competir com ela, ela sente como se tivesse perdido seu objetivo… ela só desejava continuar com seu hábito de lutar.

Olhando para Haosui desse jeito, ela certamente parece ter perdido seu espírito.

(Haosui): “… você não pode recusar”

(Wazu): “Por que você diz isso?”

(Haosui): “Hmm…”

Haosui apontou para Meru.

(Haosui): “… eu abriguei aquela criança. Tomei conta dela. Dei comida”

Não posso falar nada quando ela me lembra disso… eu não estou querendo recusar, mas não tenho certeza de que será seguro para ela…

Como ela cuidou de Meru, eu quero salvar esta garotinha diante de mim. Contudo, eu não consigo pensar em nenhum bom plano no momento.

Para dizer a verdade, eu preciso de tempo, mas eu não acho que consiga resolver isso sozinho. Eu não sei quando as asas de morcego ou as outras esquisitices vão começar a crescer nela como foi com as outras pessoas que engoliram a [Bola Vermelha]. Eu não posso perder muito tempo.

(Wazu): “… eu entendi. Eu vou aceitar esse duelo, mas você pode me dar algum tempo?”

(Haosui): “… que tal dez minutos?”

(Wazu): “… entendido. Isso parece ser o sufi…. es-espere!! Muito pouco!! Por que só dez minutos?”

(Haosui): “… uma hora?”

(Wazu): “Isso também não é o bastante!!! Quero dizer, vamos marcar para outro dia!!!”

(Haosui): “… então, amanhã?”

(Wazu): “Me dê mais tempo!!”

(Haosui): “Muu… você me pede coisas complicadas…”

(Wazu): “Eu não pedi nada complicado!!!”

No fim… nós decidimos lutar daqui a dois dias ao meio-dia… ] suspiro [

Agora eu tenho que encontrar uma solução nesses próximos dois dias. Eu deixei o quarto enquanto pensava nisso. Do lado de fora, uma mulher com um sorriso sensual estava olhando para mim.

Ela vestia uma série de tecidos sobrepostos de cima a baixo. Havia uma cinta grossa envolta de seu abdome. Esta é a primeira vez que vejo este tipo de roupas.

Seu cabelo estava amarrado para trás. Havia até algumas decorações douradas em alguns lugares. A pinta embaixo de seu olho enfatizava seus encantos.

Ser encarado por tal beldade… eu engasguei sozinho. Essa mulher lentamente caminhou até mim.

Huh? Eu? Então, ela graciosamente se curvou e se apresentou.

(???): “Prazer em conhece-lo Wazu-san. Eu sou uma senhora da cidade |Osen| e também sou esposa de Grave, meu nome é Serena”

Shuu… me pergunto por que eu me acalmei ao ouvir isso.

(Wazu): “Prazer em conhece-la, meu nome é Wazu. Então… a esposa de Grave-san precisa de algo de mim?”

(Serena): “Sim. Isso também é um pedido de Grave. Como a estalagem onde vocês vão ficar já foi decidida, eu vim guiar Wazu-sama até lá”

(Wazu): “Oh. Entendi! Então, umm, estou sob seus cuidados”

Estou seguindo para a estalagem com a orientação de Serena-san. No caminho, eu escutei o grito de um homem de algum lugar bem longe.

(Wazu): “Você escutou esse grito de agora?”

(Serena): “Sim. Parece que algum idiota tentou entrar no |Distrito do Banho Feminino| para espiar”

Eh? Não… mas esse grito foi…

(Serena): “Como não há muros nesta cidade, algumas pessoas acham que a segurança é baixa e eles podem espiar as mulheres até ficarem satisfeitos. De fato, há um tremendo número de armadilhas, barreiras invisíveis, inibição de reconhecimento para quem está do lado de fora, etc. Várias medidas foram tomadas. Mesmo se fosse o Herói do Sul, ele não seria capaz de entrar no |Distrito do Banho Feminino| sem permissão. Foi o que a loja que instalou tudo isso nos disse”

(Wazu): “É tudo muito rigoroso…”

(Serena): “Yeah… quando estava instalando essas prevenções, a pessoa disse ‘Procurar e Destruir esses pervertidos’[1]. Palavras realmente impressionante”

(Wazu): “Procurar e Destruir? O que é isso?”

(Serena): “Hmm. Parece ser algo como matar o alvo assim que ele for encontrado…”

(Wazu): “A-S-S-U-S-T-A-D-O-R!!”

Qual o problema com essas palavras assustadoras!? Quer dizer, o que terá acontecido com o homem que acabou de gritar? Bem, ele pediu por isso.

Nós voltamos para o |Distrito do Banho Misto|. Eu fui levado para o terceiro andar da maior e mais luxuosa estalagem do distrito.

(Wazu): “Eh? Este é o lugar?”

(Serena): “Sim, esta é a estalagem que eu gerencio. Eu preparei o melhor quarto para você. Eu sinto muito por não ter nenhum quarto disponível ontem. Grave me disse que eu deveria priorizar os clientes, mas nunca pensei que vocês fossem ficar no estábulo…”

(Wazu): “Não, não foi nada. Eu não me importo com isso”

(Serena): “Eu fico aliviada por ouvir isso. Então eu vou lhe mostrar seu quarto”

Assim que entramos na estalagem, os funcionários se curvaram para Serena-san antes de voltarem a seus afazeres. Havia também alguns clientes que conheciam ela e ocasionalmente a cumprimentavam. Serena-san respondia com atenção enquanto me guiava.

O quarto em que entramos era mesmo grande e deslumbrante. Os móveis do quarto também pareciam ser caros. Está mesmo tudo bem para alguém como eu usar este quarto?

Entretanto, a vista deste quarto também era estonteante. Eu pensei que realmente valeria a pena ficar em um quarto com tal vista.

Na mesa, no meio do quarto, Grave-san estava bebendo despreocupadamente. Ao me perceber chegando, ele ergueu uma das mãos para me convidar.

(Grave): “Yo. Wazu!! Você resolveu tudo com Haosui? Quer dizer, essa é Meru no topo de sua cabeça?”

(Wazu): “Yeah. Eu vou lutar com ela daqui a dois dias. Meru, este é Grave-san, meu amigo. Venha, diga olá para ele”

(Meru): “Kyuii”

(Grave): “Ou. Eu sou um amigo de Wazu. Prazer em conhece-la!”

É verdade! Talvez Grave-san pode me ensinar algo para resolver este problema.

Eu pensei nisso e falei sobre a situação de Haosui, a [Bola Vermelha] e o que aconteceu com as pessoas que a engoliram. Grave-san ouviu isso e olhou para o alto enquanto pensava…

(Grave): “Hmm…”

… ele voltou seus olhos para mim.

(Grave): “Algo assim aconteceu huh… desculpe, mas não consigo pensar em nada. Que tal você Serena?”

(Serena): “Vejamos… Haosui-san não causou nenhum problema, ao contrário, os negócios estão crescendo como resultado dos desafiantes vindo para esta cidade. Eu gostaria que ela voltasse a seu estado normal se possível… no entanto, por favor me perdoe. Eu também não sei de nenhum meio para ajudá-la. Eu não serei de nenhuma ajuda, por favor, me desculpe”

(Wazu): “Não. Por favor, não se incomode com isso. Eu também não consegui pensar em nada”

Os dois não puderam me ajudar. Me pergunto se Floyd sabe de algo. Ele não está aqui, mas vamos consulta-lo por precaução. Eu não sei quando ele vai voltar. Porém, nem Grave-san sabe de algo, então não acho que Floyd saberá.

Eu só posso contar com minha própria inteligência. Eu até me sinto querendo pedir ajuda a Deus agora mesmo…

Hmm? Deus? Deusas?


[1] Search and Destroy, que eu traduzi como Procurar e Destruir, é o nome de uma estratégia militar que utiliza um ataque intenso de tropas no solo procurando os inimigos, eliminando-os e se retirando rapidamente. Essa estratégia era muito usada na Guerra do Vietnã.