O que eu queria ouvir

Nós chegamos em um lugar próximo ao |Reino Leganile|. É claro que não havia nem uma única estalagem até chegarmos ao nosso destino, assim, nós passamos as noites acampando ao ar livre.

Marao está se saindo melhor do que eu imaginei durante esta jornada. Ela não tem qualquer problema para dormir.

Ela fez nossas refeições usando os ingredientes que eram abundantes na floresta, como cogumelos e vegetais selvagens. Ela até preparava peixe quando havia um riacho por perto.

Sua ‖Culinária‖ era boa e a comida era deliciosa.

Então, quando estávamos dando uma pausa, esta pessoa apareceu das árvores pouco antes de entrarmos no território do |Reino Leganile|. Uma pessoa envolta em uma túnica preta saiu de dentro da floresta enquanto sussurrava algo.

Eu só podia ver a parte debaixo do rosto desta pessoa, mas eu percebi que ele era um homem por sua estatura.

(???): “Kehihihi… eu finalmente encontrei humanos. Eu posso continuar meus experimentos com isto”

Experimentos!? Eu e Grave-san reagimos no instante em que ouvimos essas palavras perturbadoras. Marao se escondeu atrás de nós enquanto encarávamos o homem tentando antecipar seus próximos movimentos.

(???): “ {‘ Respondam ao meu chamado de acordo com o pacto’}”

(Grave):‖Magia de Invocação‖!?”

Quatro círculos mágicos grandes e quatro círculos mágicos menores apareceram ao redor do homem em resposta ao grito de Grave-san. Bestas rastejaram para fora dos círculos mágicos. As bestas que estão saindo dos círculos são do mesmo tipo, mas têm tamanhos diferentes.

A criatura comumente conhecida como “Besta Sintética”, ou Quimera[1]. Uma grande variedade de bestas está conectada em um único corpo. Essas Quimeras nos reconheceram como inimigos… ] grrrr [… e rosnaram enquanto lentamente se moviam para frente, como se estivessem protegendo o homem de túnica.

(???): “Kehihihi… comportem-se. Não se preocupem, eu não vou matar vocês porque o frescor é importante”

O homem de túnica está acariciando a cabeça de uma Quimera próxima dele enquanto mostra seu sorriso deturpado que virou um riso forçado para nós.

Além disso, apesar de seus olhos estarem escondidos sob o capuz, eu posso sentir seu olhar maligno em nós.

(Wazu): “Uee… falando sobre experimentos, parece que será ruim se formos capturados”

(Grave): “Aah… eu me lembrei… um desgraçado que gosta de fazer experimentos com ‖Magia de Invocação‖… ele é um criminoso procurado!!”

(???): “Kehihihi… eu fiquei famoso”

(Wazu): “O que ele fez?”

(Grave): “Há apenas uma coisa que ele fez. O experimento que ele estava falando… no entanto, este experimento envolve coisas como cortar partes do corpo humano e colar as partes juntas, dizendo que está construindo uma nova raça humana… o número de vítimas excede mil… ele é um filho da p**a”

De acordo com essa história, ele é de fato um desgraçado. Está decidido, eu vou acabar com este cara rapidamente. Mas Marao falou atrás de nós quando eu estava a ponto de atacar.

(Marao): “Umm… eu sei que não é uma boa hora…”

(Wazu): “Hmm? Qual o problema?”

(Marao): “Eu também escutei uma história similar e isto sempre esteve na minha cabeça…”

(Wazu): “Hmmm…”

(Marao): “Me pergunto por que este tipo de pessoa sempre está sozinho. Será que ele não tem nenhum amigo?”

Marao… ela disse isso, ela disse mesmo isso. Marao estava se perguntando enquanto eu e Grave-san também estávamos muito preocupados.

Como devo responder esta pergunta?

Algo como… ele fez este tipo de coisas porque ele não tem amigos ou ele não tem amigos então faz este tipo de coisa… enquanto eu e Grave-san estávamos preocupados com a resposta, uma voz alta veio do homem de túnica.

(???): “Eu tenho sim!! É claro que eu tenho muitos amigos!! O que você está dizendo? Sua garotinha!!”

Ele disse isso. Sua reação exagerada era prova de que ele não tinha mesmo nenhum amigo… outra prova: o homem de túnica começou a acariciar as Quimeras ainda mais.

(???): “Sério, essa garotinha, o que ela está dizendo tão de repente? Mesmo eu tendo amigos bem aqui, você consegue vê-los? Você é idiota? Ela é mesmo uma garota sem educação, não é? Aqui! Aqui!”

Pare!! Por favor, pare!! Pare!! Estou ficando com vontade de chorar vendo isso!! Isso parece muito mais lamentável com você acariciando estes monstros nojentos. Você precisa mesmo parar!!

Entretanto, mesmo sendo chamada de idiota, Marao estava tentando entender esta questão sem se incomodar com a cena diante dela.

(Marao): “Não, não desse tipo… é claro que achar que animais de estimação são amigos é maravilhoso. Mas eu quero saber se você tem algum amigo normal?”

(???): “…”

Isso é terrível Marao… para mim e para Grave-san também. O homem de túnica também silenciou ao ouvir as palavras de Marao.

Eu não sei o que fazer com as Quimeras. Elas estão olhando para nós e para o homem de túnica alternadamente. Eu e Grave-san estamos nos olhando, imaginando o que fazer com esse cara.

Nós ficamos em silêncio por um tempo. Desta vez, uma proposta veio do próprio homem de túnica.

(???): “En-então… da próxima vez… eu vou trazer meus amigos… liberado por enquanto? Quer dizer… que tal isso? Eu vou responder sua pergunta na próxima vez que nos encontrarmos…”

(Marao): “Aa… ooh… yeah… não. Vai parecer que nós ignoramos um criminoso, não é?”

(???): “Bom… isso… isso é verdade… certo? Que garota… eu não posso fazer isso… não é?”

(Marao): “Você é uma pessoa muito culpada!! Mas a história vai chegar ao fim se você assumir a reponsabilidade…”

Marao saiu de onde estava com um som de ] zubazuba [!! Esse é um problema delicado!! O problema que pode deixar uma marca em nossos corações!!

(???): “Então… eu vou me entregar… depois disso, eu vou mostrar meus novos amigos para você… que tal isso?”

(Marao): “Bem, isso parece bom… eu suponho?”

(???): “Ce-certo!!”

(Marao): “Então, vamos indo!! Quer dizer, você não tem a resposta agora, tem?”

Acalme-se!! Acalme-se Marao!! O homem da túnica se rendeu e as bestas invocadas desapareceram.

Nós amarramos o homem de túnica em uma árvore próxima ao lado da estrada.

(Wazu): “Umm… você está bem? Está muito apertado?”

(???): “Sem problemas, obrigado”

(Wazu): “De nada… tenho certeza que você vai fazer algum amigo…”

(???): “Yeah… eu definitivamente vou mostrar para vocês”

(Wazu): “Boa sorte”

Assim, nós começamos a seguir para o |Reino Leganile| mais uma vez. O homem de túnica certamente é um criminoso, mas eu me sinto mal por ele não ter nenhum amigo. Eu também deixei a |Montanha| porque queria conhecer pessoas… é por isso que eu estou torcendo para que ele faça amigos.


[1] Quimera é monstro mitológico com cabeça de leão, corpo de cabra e cauda de serpente. É também um termo usado para descrever a combinação incomum de elementos diferentes.