Chegando na cidade de |Aressa|

Nós continuamos balançando na carruagem de Randell por duas horas.

(Randell): “Oh. Eu posso ver |Aressa|!”

No topo de uma colina, eu vi algo que parecia ser uma muralha. Apesar de eu ter dito que eu vi isso, ela estava bem distante. É uma distância que vai nos tomar outras duas horas nesta carruagem.

Ainda assim, é uma construção enorme. De acordo com Randell, esta deve ser a maior cidade desta região, com uma população de aproximadamente 10.000 pessoas. A única Guilda de Aventureiros na área também parece estar instalada em |Aressa|.

Isso me lembra que eu esqueci de perguntar algo muito importante.

(Fran): “Quanto custa a taxa de entrada da cidade?”

(Randell): “Ah. São 300 Gorudo”

Merda. Não temos o bastante. O que devemos fazer? [Chifres de Goblins] parecem ser baratos demais se forem vendidos para qualquer um que não seja da Guilda de Aventureiros

Já que é assim, eu devo perguntar o preço de várias coisas também. Desta forma, eu posso calcular as despesas necessárias e me planejar para o futuro.

(Fran): “Quanto por uma noite em uma estalagem? As baratas são as melhores”

(Randell): “Uma estalagem, huh… a estalagem de classificação mais baixa deve custar uns 200 Gorudo. É claro que esses quartos não incluem refeições”

Eu também perguntei sobre os preços de outras coisas. O preço médio de uma refeição é 50 Gorudo; um pedaço de pão custa dez Gorudo; uma faca barata custa 300 Gorudo e usar uma casa de banhos custa 20 Gorudo por visita.

Esses parecem ser os preços regulares. Ao que parece, um Gorudo equivale a dez ienes[1]. Quanto a economia deste mundo… os valores das moedas, da menor para a maior, são: Moeda de Cobre → Moeda de Cobre Grande → Moeda de Prata → Moeda de Prata Grande → Moeda de Ouro → Moeda de Ouro Grande . Você precisa de dez moedas do mesmo tipo para ir para o próximo nível[2]. Até mesmo Randell, que é um Mercador, nunca viu uma moeda de ouro grande.

(Fran): “Quanto por um [Chifre de Goblin] na Guilda?”

(Randell): “Um par deve ser comprado por 20 Gorudo. Mercadores vão comprar eles por uns cinco Gorudo o par, eu acho”

Barato! Goblins são mesmo baratos! Se você não caçar dez por dia, não será capaz nem de pagar as contas de uma estalagem…

Mas o que devemos fazer? Mesmo se vendermos os oito pares de chifres para Randell, nós ainda não conseguiremos 300 Gorudo.

Enquanto eu estava perdido pensando em nossos problemas, minha ‖Detecção de Presença‖ reagiu. Tem algo mais à frente na estrada.

Fran disse para Randell diminuir e então nós seguimos na frente. Os velhos e comuns Goblins estavam se escondendo nos arbustos. Como sempre, nós vamos acabar com eles usando nossa própria emboscada.

A batalha acabou em um instante com a ‖Esgrima‖ de Fran e a minha ‖Magia‖. Enquanto coletávamos os chifres dos cinco Goblins, eu vi uma espada sendo carregada por um deles. [Bastões de Madeira] não devem ter nenhum valor porque eles não são nada além de pedaços de galhos, mas tenho certeza que essa espada deve valer alguma coisa.

(Mestre): “Que sorte. Se vendermos isto para Randell, nós devemos conseguir os 300 Gorudo”

Quando voltamos para a carruagem, Randell comprou a espada por 200 Gorudo. Seu preço foi maior do que o esperado.

(Fran): “Tudo isso?”

(Randell): “Ela é feita de bronze, mas está em boas condições. Os Aventureiros com certeza irão comprar ela se eu a colocar à venda”

Foi realmente muita sorte. Com isto, nós seremos capazes de entrar na cidade. E é claro que os chifres serão vendidos na Guilda.

Assim que continuamos nosso caminho pela estrada, nós caçamos outras Feras Demoníacas que Randell comprou. Era um inseto negro conhecido como Besouro Negro. Seu comprimento era de aproximadamente 50 centímetros. Parece que seu exoesqueleto[3] é usado para fazer equipamentos de proteção para iniciante, então ele comprou isso por 20 Gorudo.

Mesmo assim, as Feras Demoníacas são muito baratas. Seus materiais podem ser usados para fazer equipamentos defensivos, mas seu preço é de apenas 20 Gorudo? Bem, eu acho que o fato dele ser uma Fera Demoníaca de baixo nível contribui para isso. Visar por armas carregadas por Goblins deve ser a maneira mais eficiente de se conseguir dinheiro.

Como imaginei, faz parte da sina dos Goblins serem caçados por mim.


(???): “Então Randell, você foi capaz de retornar em segurança?”

(Randell): “Enquanto viajava, houveram várias situações perigosas”

(???): “Ahh. Quem é esta jovem dama?”

(Randell): “Eu a encontrei ao longo do caminho. Eu vou cuidar dos procedimentos de admissão dela”

(???): “Tudo bem. Você teve sorte em encontrar a carruagem de Randell. Randell é bem forte, então deve ter sido mais tranquilizante ter ele por perto, não é?”

Com as palavras do Vigia[4] de meia idade, Randell sorriu sem graça. Na verdade, foi Fran quem protegeu e escoltou Randell.

Contudo, como revelar esse fato causaria suspeitas desnecessárias, nós decidimos seguir com esta história onde Randell encontrou e escoltou uma jovem garota durante sua viagem.

(Vigia): “Tudo bem. Vão ser 300 Gorudo. Aqui está seu certificado de entrada temporário. Ele é válido por três dias. Como fazer um novo custa dinheiro quando a validade expira, tenha cuidado!”

Junto dessa informação, eu descobri que se você tem uma identidade oficial como um habitante da cidade, ou um [Cartão de Aventureiro], entrar na cidade parece ser de graça. Graças a esse fato, eu quis me apressar para obter um [Cartão de Aventureiro].

(Vigia): “Bem vinda a cidade de |Aressa|!”

Para se associar a Guilda de Aventureiros não parecia haver uma restrição de idade. No entanto, havia um teste de aptidão antes do cartão ser emitido.

(Randell): “Bom, eu vou seguir de volta para minha loja. Suponho que Fran vai se juntar a Guilda de Aventureiros, certo?”

(Fran): “Unn”

(Randell): “Minha loja fica ao longo da rua principal do lado Oeste. Se você tiver algum tempo, por favor, faça-me uma visita”

Depois de dizer isso, Randell seguiu seu caminho.

Apesar de ele estar indo embora, ele não disse mais nada. Mesmo que ele seja apenas ingênuo, ele deixou uma jovem garota andando sozinha pela estrada acompanha-lo sem saber das circunstâncias dela. Mesmo no fim, ele não perguntou nada sobre ela além de seu nome. Ele era mesmo uma pessoa genuinamente boa.

Depois de coletarmos um pouco de dinheiro, nós iremos visita-lo. Uma visita ao homem que foi nosso primeiro companheiro em nossa jornada.

(Mestre): “Bem, vamos indo”

(Fran): “Nn”


[1] Aproximadamente R$ 0,30.

[2] Por exemplo, com dez moedas de cobre, você tem o mesmo que uma moeda de cobre grande.

[3] Exoesqueleto é a cutícula resistente, mas flexível, que cobre o corpo de muitos insetos, fornecendo proteção para os órgãos internos, suporte para os músculos e evita também a perda de água.

[4] Eu decidi traduzir a palavra Gatekeeper, que seria algo como guarda do portão, como vigia nesta novel.