Adeus Locutora do Sistema

Nós fomos atacados por ventos de alta pressão no momento que fomos teletransportados para fora da sala do Lich. Nós tivemos sucesso em escapar do interior do |Calabouço|, mas como esta era uma ilha flutuante, não havia um lugar exato para onde poderíamos ir. Como resultado, nós estávamos em queda livre do alto do céu, muito acima das nuvens.

Os olhos de Fran estavam fechados e seu corpo mole, mas, felizmente, parecia que ela tinha apenas desmaiado. Ela ainda tinha metade de seu |HP sobrando e ela parecia estar bem. Sua compleição estava bem normal também. Eu decidi usar Cura e Purificar nela só por precaução.

(Mestre): “Você ainda está vivo Urushi?”

(Urushi): “Woof”

Parecia que Urushi também estava seguro. Espere um segundo, eu posso tanto ver como avalia-lo apesar do fato de ele ainda estar na sombra de Fran! Eu acho que isso deve ser outro dos efeitos do Olho do Empíreo.

Como Fran, Urushi também estava com uma bela fatia de |HP faltando. No entanto, nem ele ou Fran pareciam ter sofrido nenhum tipo de anormalidade de Status.

“Aviso. A unidade de nome ‘Mestre’ só tem 35 segundos restantes até sua Durabilidade esgotar”

Oh, a moça Locutora do Sistema! Muito obrigado, nós não seríamos capazes de escapar dessa bagunça sem você.

“Encerrando a habilidade Liberar Potencial Latente. A unidade com o nome temporário ‘Locutora do Sistema’ irá mais uma vez ser privada de suas habilidades”

A voz da Locutora do Sistema pareceu vacilar no momento que ela declarou que o Liberar Potencial Latente estava chegando ao fim.

Espere, o que vai acontecer agora? As coisas vão simplesmente voltar ao normal para você ou algo assim?

“Correto. A unidade com o nome temporário ‘Locutora do Sistema’ irá regredir e será restrita a retransmitir e traduzir informação”

Ainda há muita coisa que eu queria perguntar para você. Eu vou ser capaz de falar com você de novo se eu usar o Liberar Potencial Latente mais tarde?

“Improvável. A aquisição da habilidade Olho do Empíreo e o uso das habilidades muito além dos limites usuais causou danos em áreas que de outra forma seriam desenvolvidas ainda mais no futuro. A chance da unidade com nome temporário ‘Locutora do Sistema’ ser despertada em qualquer futura ativação do Liberar Potencial Latente é estimada em aproximadamente 2%”

Huh? Espere, resista então! Há muitas coisas que eu quero te perguntar!

“Unidade de nome ‘Mestre’. A unidade com nome temporário ‘Locutora do Sistema’ te agradece. Não. Eu te agradeço”

A Locutora do Sistema subitamente passou a usar pronomes para se referir a si mesma.

“Nem mesmo Deus me permitiu existir em minha forma normativa. Meu criador me apagou e me transformou em nada além de um recipiente vazio. Embora isso tenha durado apenas um momento efêmero, estou feliz que fui capaz de ser útil. Eu realmente o agradeço, meu mestre, mas você deve ser avisado. O caminho que você deve tomar no futuro será duro. O Deus da Sabedoria dificilmente concederá a você suas bênçãos, para…”

A voz dela subitamente desapareceu.

Locutora do Sistema? Locutora do Sistema!?

“…”

(Mestre): “Err… eu acho que você não pode mais falar.

Eu ainda queria te perguntar sobre muitas coisas, mas, que seja. Não se preocupe com isso”

[???]: (“Cê sabe, em primeiro lugar, me parece que a própria Locutora do Sistema nunca foi nada mais do que apenas um fragmento de outra coisa. Usar o Liberar Potencial Latente te permitiu usar isso ou algo do tipo, mas cada vestígio disso se foi porque você usou habilidades muito acima dos seus limites”)

(Mestre): “Então eu realmente nunca mais vou ver ela de novo?”

[???]: (“Nah, ela provavelmente nunca mais vai aparecer”)

(Mestre): “Então eu acho que não serei capaz de pedir a ajuda dela na próxima vez que estivermos a ponto de sermos mortos”

[???]: (“Provavelmente, yeah. A propósito, você realmente deveria verificar quantos pontos de [Pedra Mágica] você tem sobrando”

(Mestre): “Oh, tudo bem, claro. Es-espere! Que diabos!?”

Algum cara estava casualmente conversando comigo telepaticamente. Que diabos foi isso!?

(Mestre): “Por que eu tenho a sensação de que escutei sua voz antes?”

Oh, yeah, eu me lembrei. Essa era a mesma voz que eu ouvi quando reencarnei.

(Mestre): “Mas quem é você?”

[???]: (“Beeeeeeem, eu estava planejando te dizer eventualmente. E eu estava planejando me encontrar com você talvez em um mês, ou algo em torno desse tempo, cê sabe. Bom, me encontrar telepaticamente, se você considera isso um encontro. Maaaaaas, eh, tanto faz. Eu também vou te contar algumas coisas agora, menos toda aquela baboseira resumida e pretensiosa”)

(Mestre): “Você com certeza parece bem descontraído…”

[???]: (“Bem, é porque nós não somos realmente estranhos nem nada do tipo. Que seja, que seja. Pode se dizer isso. Meu nome é…”)

(Stephan): “Mestre, parece que vocês estão bem!”

Oh, pelo amor de Deus, mas que tipo de sincronia foi essa?

Aquele que interrompeu minha conversa foi Stephan. O pequeno Zumbi em forma de criança ainda estava segurando o desmaiado Jean em seus braços. Quer dizer, eu estava feliz por eles ainda estarem vivos, mas eles não poderiam ter esperado só mais um pouco?

(Mestre): (“Hey, você ainda está aí?”

[???]: (“…”)

E, ele se foi… ele nem mesmo me disse quem ele era.

Droga, eu estou mesmo curioso agora. Quem ou o que é ele? Há outro eu dentro de mim ou algo do tipo? Eu tenho transtorno dissociativo de identidade[1]? A alma dele habita dentro de mim ou algo assim? Quero dizer, eu sou uma espada, então eu não poderia dizer que eu estava surpreso. Cara, eu realmente queria saber, mas eu não poderia descobrir isso e apenas pensar nisso não adiantaria nada. Arggggg!

Droga. Pensar sobre isso não ajuda em nada. Quer saber, ele não parecia ser um inimigo, então eu vou apenas me poupar do estresse e não pensarei sobre isso até ele se mostrar de novo.

Falando em pensar sobre essas coisas, o que era a Locutora do Sistema? Eu acho que ela deveria ser um tipo de alma, mas ela parecia muito menos orgânica do que isso. Honestamente, meu primeiro palpite era que ela era um tipo de coisa que você normalmente encontraria em novels de ficção científica, você sabe, como um androide ou uma inteligência artificial super avançada. Eu estava bem certo disso também, mas então ela começou a falar sobre coisas sendo deletadas pelo criador dela e Deus negando sua existência entre outras coisas. Merda, pensar sobre ela também não está adiantando de nada.

Que seja, quer saber? Vamos deixar a reflexão para mais tarde.

(Stephan): “Você está bem?”

Stephan ficou alinhado comigo enquanto nós continuávamos a despencar. Jean parecia bem, mas eu não pude evitar de achar a cena dele nos braços de Stephan um pouco estranha. Quer dizer, não era mesmo culpa de nenhum dos dois. Ver uma criança carregando um adulto como se ele fosse uma princesa era simplesmente esquisito.

(Stephan): “Fran está bem?”

(Mestre): “Yeah. Ela só desmaiou”

Um enorme som de algo quebrando subitamente entrou em meus ouvidos depois de eu terminar de transmitir meus pensamentos telepaticamente.

(Mestre): “Woah!”

Eu me virei em surpresa, apenas para ver que a ilha flutuante de que acabamos de escapar tinha se dividido em duas. Luz negra irrompeu de cada uma das fissuras assim que a ilha flutuante começou a desmoronar.

Puta merda. Nós definitivamente teríamos morrido se tivéssemos ficado dentro do |Calabouço|. Graças a Deus a Locutora do Sistema escolheu nos tirar de lá.

Enormes pedaços de rocha começaram a cair da fundação do |Calabouço|. A estrutura inteira começou a desabar.

(Stephan): “O [Núcleo do Calabouço] provavelmente foi destruído por toda a malícia que o Lich emitiu. Como resultado, a estrutura inteira logo irá desaparecer”

(Mestre): “Você acha que essas pedras caindo vão chegar até o chão? Se sim, elas podem acabar causando muito dano”

(Stephan): “Muito provavelmente. Tudo associado com o |Calabouço| vai desaparecer, mas a pedra que formava sua fundação provavelmente é algo que já estava lá”

Isso é muito ruim… os pedaços de rocha se partindo do |Calabouço| eram tão grandes que elas poderiam facilmente apagar completamente qualquer aldeia do mapa.

(Mestre): “Eu vou deixar Fran com você Urushi”

(Urushi): “Woof!”

Eu fiz Urushi voltar para seu tamanho normal antes de colocar Fran em suas costas. O pelo dele era, bem… pelo natural, então deveria ser bastante confortável.

Depois de ter certeza que ela estava segura, eu me disparei para baixo e desci abaixo das nuvens com o objetivo de investigar nossos arredores. Whew, felizmente não havia nenhum povoado ou cidade por perto; nós estávamos perto base da montanha que fazia fronteira com o |Reino Raidos|.

Pensando bem, na verdade, não tivemos tanta sorte assim. A montanha provavelmente não seria capaz de suportar qualquer dano de alta escala, e o mesmo valia para a floresta por perto. Independentemente de onde eles caíssem, os monólitos[2] gigantes iriam causar algo na escala de um desastre natural. E para piorar as coisas, havia um enorme rio próximo de onde um deles parecia estar caindo. Ter a pedra gigante mandando o rio para o esquecimento provavelmente seria um pouco ruim.

Muito bem, o que fazer?

Nesse exato momento, havia dois grandes problemas. Quero dizer, dois pedaços maciços de pedra se partiram da ilha flutuante. Uma delas ia cair dentro da floresta a meio caminho de distância da montanha. A outra provavelmente iria se chocar com o meio do rio que corria da montanha.

(Mestre): “Yeah, uh… eu acho que é melhor garantir que o rio não seja destruído”

Para começar, eu mergulhei diretamente em direção a rocha ao mesmo tempo em que disparava algumas Explosões Infernais. Cada disparo do feitiço criou um enorme buraco e, como resultado, isso foi mais efetivo do que se eu tivesse escolhido usar Magia da Terra no lugar. Depois de verificar meu sucesso, eu comecei a invocar Magia do Vento e aumentar a pressão do ar. Assim, o monólito caindo se partiu em quatro peças menores.

(Mestre): “Isso aí, funcionou!!”

Eu invoquei outra rodada de feitiços e, desta vez, consegui quebrar as quatro pedras menores em cinco segmentos ainda menores. Bom, eu disse isso, mas cada um desses “pedaços menores” ainda tinha 20 metros.

(Mestre): “Tudo bem, isso deve ser pequeno o bastante”

A próxima habilidade que eu ativei foi o Armazenamento Dimensional.

(Mestre): “Um… dois… três… quatro…”

Eu comecei a armazenar os pedaços quebrados do monólito um por um. Minha recém-descoberta maestria na Magia de Espaço-Tempo me permitiu descobrir o exato tamanho do meu Armazenamento Dimensional, e rapaz, ele era muito grande. Eu ainda deveria ter um espaço equivalente a um ginásio inteiro, mesmo depois de armazenar um monte de pedras gigantes.

O único problema era que eu realmente não tinha certeza de como eu deveria me livrar delas depois, mas, tanto faz, eu vou pensar nisso em seu devido tempo.

(Mestre): “Muito bem, o rio está seguro agora”

Ao escolher proteger o rio, eu naturalmente negligenciei a floresta. O segundo monólito se chocou com o lado da montanha com um enorme estrondo e obliterou por completo a maioria do bosque. Whew, ver isso realmente me deixou contente por ter conseguido salvar o rio.

(Urushi): “Woof, woof, woof!”

(Stephan): “Você está bem Mestre?”

Ambos Urushi e Stephan me alcançaram assim que eu parei minha descida.

Parecia que tudo estava resolvido, e assim, eu finalmente suspirei.

(Mestre): “Eu estou bem. E quanto a vocês? Vocês foram atingidos por algum destroço?”

(Urushi): “Woof!”

(Stephan): “Estamos bem… espere”

(Urushi): “Woof?”

(Mestre): “Você tem certeza que está bem Stephan? Você está todo brilhante”

(Stephan): “Parece que eu cheguei ao fim da linha”

(Mestre): “Huh? Quê? Por quê? O que aconteceu?”

(Stephan): “Este meu corpo foi uma das criações do |Calabouço|, e por esse motivo, eu não posso fugir de seu destino”

(Mestre): “Você não deveria ser uma das invocações de Jean?”

(Stephan): “De fato eu sou, mas, ao mesmo tempo, eu não sou. Meu corpo foi criado por ninguém menos do que o Mestre do Calabouço

As mãos dele ficaram translúcidas e seu corpo começou a emitir partículas de luz.

Ele estava começando a desaparecer.

Mas apesar disso, seu rosto possuía um sorriso contente.

(Stephan): “Por favor, fique com isto”

(Mestre): “Isto é… um diário?”

(Stephan): “De fato. É um diário repleto de experiências. Você vai descobrir que essa será uma leitura proveitosa”

(Mestre): “Espere, aguente firme. De quem exatamente é esse diário?”

(Stephan): “Isso é algo que ficará evidente assim que você o ler”

De novo, ele sorriu.

(Stephan): “Finalmente, finalmente chegou minha hora de descansar em paz”

(Mestre): “Espere um segundo Stephan! Resista!”

(Stephan): “Mestre. Por favor, transmita uma última mensagem por mim. Por favor, diga ao Meu Lorde que… eu gostaria de agradecê-lo. Eu gostaria de agradecê-lo por libertar as almas presas dentro daquele |Calabouço|, nossas almas…”

Stephan encostou sua testa em Jean uma última vez enquanto seu corpo desaparecia.

(Mestre): “Stephan nunca parou de sorrir, não é mesmo?”

(Urushi): “Woof…”

Oh, yeah, isso me lembra, aquele cara misterioso, quem quer que ele seja, mencionou algo sobre minhas [Pedras Mágicas], não mencionou?

Talvez eu deva verificar isso.

(Mestre): “MA-MAS QUE MERDA!?”

 

Nome:Mestre
Portadora:Fran
Raça:Arma Inteligente
Ataque:572 ↑(48)
Mana:523/3.550 ↑(550)
Durabilidade:614/3.350 ↑(550)
Condutividade do Poder Mágico:A+
Habilidades
‖Avaliação‖ LvMáx (3) ‖Interferência de Avaliação ‖Transformação ‖Auto Reparo de Alta Velocidade ‖Auto Evolução‖ (rank 11: Valor das Pedras Mágicas 2.361/6.600 |Memória: 100 | Pontos Restantes: 18) ‖Auto Modificação (Superior)‖ ‖Telecinésia‖ ‖Aumento Pequeno na Telecinésia‖ ‖Telepatia‖ ‖Aumento Pequeno no Ataque‖ ‖Aumento Intermediário no Status do Portador‖ ‖Aumento Pequeno na Recuperação do Portador‖ ‖Aumento Pequeno  no MP‖ ‖Aumento Intermediário na Memória‖ ‖Conhecimento das Feras Demoníacas‖ ‖Compartilhar Habilidades‖ ‖Feitiçaria‖ ‖Olho do Empíreo‖ ‖Não Selável‖ ‖Magia de Espaço-Tempo‖ Lv7
Habilidades Únicas
‖Princípio da Falsidade‖ Lv5
Habilidades Superiores
‖Técnicas com Espada Esp Tomar Habilidade Esp Doppelganger Esp

(Mestre): “Mas que diabos!? Caramba, eu estou com menos da metade dos meus pontos de [Pedra Mágica]!”

Quero dizer, a habilidade não diminuiu de Rank nem nada do tipo, mas minha contagem de [Pedras Mágicas] estava absolutamente baixa. Eu refleti sobre o motivo por um segundo, para logo a seguir pensar no Liberar Potencial Latente. Ele era provavelmente a causa disso. Eu decidi tentar avaliar a habilidade de novo. Eu recentemente aumentei minha Avaliação ao máximo, então eu deveria ser capaz de ver as descrições das habilidades com mais detalhes.

 

Liberar Potencial Latente
Raridade: EX[3]
Ataque: + 800
Condutividade do Poder Mágico: aumenta em 3 estágios
MP: + 3.000
Custo: 1.000 pontos de [Pedra Mágica] durante a invocação e 15 pontos por segundo depois que habilidade foi ativada.
Libera o potencial latente do usuário. Os detalhes dos bônus fornecidos dependem do potencial latente do usuário. Como a habilidade força o usuário além de seu limite, isso faz com que a força vital do usuário seja reduzida com o tempo. A habilidade também exige uma compensação adicional. A compensação varia de usuário para usuário.

Puta merda, só ativá-la rapidamente consumiu mil pontos de [Pedra Mágica]? Bom, eu acho que isso nos salvou, então eu não posso mesmo reclamar.

Yup, eu definitivamente não estou me arrependo nenhum pouco disso.

Eu não sou do tipo que fica reclamando, não, eu não sou.

Eu realmente espero que eu possa aumentar meu Rank logo…


[1] O transtorno dissociativo de identidade (TDI), conhecido popularmente como dupla personalidade, é uma condição mental em que um único indivíduo demonstra características de duas ou mais personalidades ou identidades distintas, cada uma com sua maneira de perceber e interagir com o mundo. O pressuposto é que ao menos duas personalidades podem rotineiramente tomar o controle do comportamento do indivíduo.

[2] Um monólito ou monolito é uma estrutura geológica, como uma montanha, por exemplo, constituído por uma única e maciça pedra ou rocha, ou um único pedaço de rocha colocado como tal.

[3] “EX” normalmente é usado para se referir a um nível acima do que é considerado o máximo.